AF Braga anuncia o valor das quotas de participação em competições oficiais

A Associação de Futebol de Braga comunicou, esta terça-feira, o valor das quotas associativas de participação em competições oficiais de futebol 11, futebol 9 e futebol 7 e futsal.

Os valores, que vigorarão na próxima época desportiva, podem ser consultados na tabela abaixo:

Quota Anual de Associado: igual para todos os clubes e entidades filiados – 60€

Quota Associativa de Participação nas Competições Oficiais. Os clubes participantes em competições oficiais distritais, organizadas pela AF Braga, terão a seguinte comparticipação

Clubes e Entidades da I Liga 1900€

Clubes e Entidades da II Liga 1200€

Clubes e Entidades do Campeonato de Portugal 860€

Clubes e Entidades do Campeonato Nacional 1ª Divisão Feminino 450€

Clubes e Entidades do Campeonato Nacional 2ª Divisão Feminino

350€

Clubes e Entidades do Campeonato Nacional 3ª Divisão Feminino

250€

Clubes e Entidades da Divisão Distrital Pró-Nacional 550€

Clubes e Entidades da Divisão de Honra Distrital

400€

Clubes e Entidades da 1ª Divisão Distrital 300€

Clubes e Entidades que participam apenas em Provas de Juniores Distritais

480€

Clubes e Entidades que participam apenas em Provas de Juvenis e Iniciados Distritais 380€

Clubes e Entidades que participam apenas em Provas de Infantis e Benjamins 280€

Quota por cada equipa de Futebol de 11, Futebol de 9 ou Futebol de 7 a mais para além da categoria principal em que o Clube se inscreve:

Juniores A / Juniores Masculinos 350€ por equipa

Juniores B/ Juvenis Masculinos 250€ por equipa

Juniores C / Iniciados Masculinos 200€ por equipa

Juniores D / Infantis Masculinos 200€ por equipa

Juniores E / Benjamins Masculinos 200€ por equipa

Juniores F / Traquinas Masculinos isento

Juniores G / Petizes Masculinos isento

Todos os escalões Femininos isento

Trofa reflete sobre as alterações climáticas no II Fórum Ambiente

A Câmara Municipal da Trofa volta a organizar o Fórum Ambiente. Nesta segunda edição, o tema central do debate é a adaptação dos territórios às alterações climáticas. O II Fórum Ambiente, inserido na celebração do Dia Mundial do Ambiente, realiza-se a 3 de junho, no Fórum Trofa XXI.

A iniciativa inicia-se às 9h45 e vai contar com a presença do vereador do pelouro do Ambiente e Espaços Urbanos da Câmara Municipal da Trofa, Sérgio Araújo e do secretário da Comissão Executiva da Área Metropolitana do Porto, Miguel Oliveira. O presidente da Câmara Municipal da Trofa, Sérgio Humberto, vai ser o responsável por encerrar o evento.

O primeiro painel do fórum vai focar-se nos desafios locais na adaptação às alterações climáticas. Jorge Rodrigues de Almeida, da RdA Climate Solutions, Cátia Costa, da Agência de Energia do Porto, Pedro Macedo, do Centre for Ecology, Evolution and Environmental Changes e José Lameiras, da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto / CIBIO-InBIO vão ser os oradores da primeira parte do evento.

O segundo painel vai discutir sobre os espaços urbanos adaptados. O chefe da Divisão de Planeamento, Urbanismo, Mobilidade e Ambiente da Câmara Municipal da Trofa, António Charro, vai moderar o debate entre os especialistas Paulo Farinha Marques, da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto/CIBIO-InBIO, Gonçalo Andrade, da X-SCAPES / Faculdade de Ciências da Universidade do Porto e Cláudia Fernandes, da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto/CIBIO-InBIO.

Durante a tarde, vai desenrolar-se uma discussão sobre os territórios rurais adaptados. A conversa vai decorrer entre Luís Brandão Coelho, da Direção Regional de Agricultura e Pescas do Norte, Joaquim Mamede Alonso, da Escola Superior Agrária de Ponte de Lima e entre Sandra Vinhais Sarmento, do Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas. O encontro vai ser moderado pelo responsável pela Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, José Cangueiro Cabral.

Famalicão: Pedro Almeida abandona Rali de Portugal na Lousã

Um problema com a direção do Skoda Fabia, no final da quinta classificativa do Rally de Portugal, determinou o abandono de Pedro Almeida e Mário Castro, numa altura em que a dupla havia alcançado, no final da Lousã, o terceiro lugar à geral do CPR-Campeonato de Portugal de Ralis.

«É frustrante, porque estávamos a fazer um rali em crescendo, no nosso ritmo e, no final da etapa, até tínhamos alcançado o terceiro lugar, mas não dava para continuar e estar à partida da sexta classificativa» lamenta o piloto famalicense.

O abandono foi determinado por «uma falha da caixa de direção, consequência de um furo que tivemos na especial», esclarece Pedro Almeida.

Apesar do lamento, o piloto encontra pontos positivos. «Sabemos das dificuldades; saímos muito atrás, com pisos degradados à nossa passagem e isto faz parte da prova, mas até ali estávamos a andar bem, focados no que eram os nossos objetivos» pelo que o abandono quando estava no terceiro lugar do CPR, «é elucidativo do que fizemos de positivo na prova.

No final, Almeida deixa um agradecimento ao público. «Este continua a ser um rali especial e agradeço ao público pelo apoio. Agora vamos juntar-nos à caravana e torcer por fora, assistindo com responsabilidade à prova».

Famalicão: Bikemania organiza “Trilhos de Perdição”

A Bikemania Famalicão organiza, no dia 4 de junho, a 5.ª etapa do GPS EPIC Samsys de 2022, denominada “Trilhos de Perdição”.

Recorde-se que o GPS Epic é um circuito nacional que consiste num passeio de BTT orientado exclusivamente por GPS e em total autonomia, que percorre património local e natural.

Nesta etapa, os participantes percorrerão vários trilhos e caminhos rurais do concelho famalicense, além de passarem por locais com um importante valor histórico e cultural como a Casa de Camilo Castelo Branco, o Aqueduto de Castelões, a Capela de Santa Tecla em Santa Maria (Oliveira), o Teatro Narciso Ferreira em Riba de Ave, a zona arqueológica de Vermoim, a Casa de Pindela em Cruz, entre outros.

A partida e a chegada do evento ocorrerão na entrada principal do Parque da Devesa e os participantes terão à sua escolha diferentes percursos, consoante a distância pretendida.

Este evento faz parte do plano de atividades de comemoração dos 10 anos da associação famalicense.

As inscrições podem ser realizadas on-line no site oficial: www.gpsepic.com

 

Penetra (FC Famalicão) chamado para a fase de qualificação dos sub-21

A convocatória da seleção sub-21 para os últimos três jogos da fase de qualificação para o Europeu 2023 inclui o nome de Alexandre Penetra. O defesa central do Futebol Clube de Famalicão foi chamado pelo selecionador para os jogos com Bielorrússia (dia 4 de junho, 14 horas), Liechtenstein (dia 7 de junho, 19.45 horas) e Grécia (dia 11 de junho, 20.15 horas, Estádio Cidade de Barcelos).

Alexandre Penetra estreou-se pela seleção sub-21 no passado mês de março, frente à Islândia, tendo sido titular que manteve no jogo seguinte, frente à Grécia, que permitiu a Portugal saltar para o primeiro lugar do Grupo 4.

FC Famalicão: Anúncio da continuidade de Rui Pedro Silva está por dias

Rui Pedro Silva mantém-se no comando técnico do FC Famalicão. Em entrevista exclusiva à CIDADE HOJE, que pode ver na íntegra a partir das 21 horas desta sexta-feira, Miguel Ribeiro revela que decorre uma fase de negociações «e mais uns dias anunciamos».

Rui Pedro Silva chegou ao FC Famalicão à décima sexta jornada da época passada, com a equipa no penúltimo lugar, com 11 pontos, e fechou a temporada com 39 pontos e o oitavo lugar na Primeira Liga, a segunda melhor posição de sempre do clube.

Na entrevista à CIDADE HOJE, o presidente da SAD reconhece algum «desconforto e instabilidade» nas duas últimas épocas, mas reitera «que sabemos para onde vamos», desde logo pela manutenção da equipa na principal liga nacional em «lugares de topo». O propósito de chegar à Europa (que já fugiu, por dois minutos, na Madeira) «é uma expetativa, uma ambição e objetivo», sustenta.

A continuidade de alguns jogadores que foram peças-chave, designadamente do melhor marcador, Banza, que esteve por empréstimo, «depende da vontade do jogador, embora tenhamos opção de compra».

Ao nível das infraestruturas, a SAD aguarda por novidades sobre o novo Estádio Municipal, «sendo que há um compromisso assumido pela autarquia quando foi constituída esta SAD», recorda o dirigente.

A aposta no centro de treinos mantém-se, sendo um projeto para começar durante a nova época desportiva. Miguel Ribeiro refere que após consulta e visitas a potenciais terrenos, já há um referenciado. O projeto há-de avançar em fases, «começando pelo mais necessário: relvados e estruturas de apoio».

Tudo isto e muito mais para ouvir na noite desta sexta-feira, a partir das 21 horas, no Facebook da CIDADE HOJE.

Equipa feminina do FC Famalicão fecha campeonato este sábado

A última jornada da fase de apuramento de campeão nacional, da Liga BPI, disputa-se este fim de semana.

O FC Famalicão joga em Braga, no sábado, às 11 horas, partida que vai determinar que equipa fecha o pódio nacional.

Já está definido o título nacional – Benfica, tal como o segundo lugar (Sporting) faltando apenas definir o terceiro classificado, entre famalicenses e bracarenses. A equipa de Jorge Barcellos soma 22 pontos, tantos como o Braga.

Esta partida serve, ainda, de ensaio para a final da Taça de Portugal que oporá as famalicenses ao Sporting, na tarde do dia 28 de maio, no Estádio do Jamor.

Para este jornada histórica, o clube famalicense tem à venda na Loja Oficial e na Academia os bilhetes, bem como disponibiliza transporte, tudo a 10 euros.