Aulas à distância começam a 8 de fevereiro

O Governo acaba de anunciar que as atividades letivas não presenciais, ensino à distância, começam a 8 de fevereiro.

O Ministro da Educação Tiago Brandão Rodrigues assume que é melhor o ensino presencial e que o ensino à distância é um recurso para colmatar a impossibilidade, no atual contexto de pandemia, das aulas presenciais. Assume, ainda, que estão reunidas as condições para o ensino à distância. «Depois de termos dado 100 mil computadores e de estarem 335 mil a caminho, estamos agora mais preparados», garante o ministro.

O governante anunciou ainda que a atividade para alunos com necessidades especiais irá ser mantida.

Famalicão: Município gasta anualmente 160 mil euros no ensino articulado da dança, música e teatro

A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão investe por ano cerca de 160 mil euros em meio milhar de alunos famalicenses que frequentam o ensino artístico articulado nas áreas da música, da dança e do teatro, do segundo ciclo ao ensino secundário. Os apoios incluem comparticipação de propinas, pagamento de transporte e cedência de instalações.

A dança é ministrada pela AN-Dança Conservatório de Dança de Vila Nova de Famalicão. Existe desde o ano de 2020/21, e conta atualmente com 67 alunos. Na última reunião de Câmara, esta instituição de ensino recebeu um apoio financeiro municipal de 45 mil euros.

O Curso Básico de Música, em regime articulado, existe desde os anos 90, sendo da responsabilidade da Artave/CCM Centro de Cultura Musical e pela ArtEduca – Conservatório de Música, com um total de cerca de 400 alunos.

Depois da música e da dança, o município famalicense avançou este ano letivo 2022/23 com o ensino artístico especializado de teatro, ministrado pela ACE – Escola de Artes. Frequentam cerca de 20 alunos de 5.º ano.

Famalicão: Alunos de Delães organizam Mercado de Natal

No dia 8 de dezembro, entre as 9 e as 16 horas, a Escola Básica de Delães é palco de um Mercado de Natal que terá a presença do Pai Natal, que chega às 10h30, e muitas outras surpresas. Há, ainda, um serviço de takeaway, a partir das 12 horas, com rojões, papas e panados.
Esta é uma organização dos alunos da turma do 4.º ano, com o apoio da Anep – Associação de Pais e Encarregados de Educação das Escolas de Delães, que visa a angariação de fundos para a viagem de finalistas.
Entretanto, esta quinta-feira, 1 dezembro, às 18h30, serão ligadas as luzes de Natal.

Famalicão: Eco-alunos de Castelões aprendem a costurar

“Desperdício está fora de moda” foi o tema que levou os alunos de 3º e 4º anos da escola básica de Castelões a aprender a costurar. Idealizaram um saco para o pão e, para o conseguirem, tiveram de escolher os tecidos, fazer o molde, o recorte, a costura e a decoração.

Como o estabelecimento de ensino é uma Eco-Escola, faz parte do seu projeto educativo promover atividades que desenvolvam competências no âmbito da formação ambiental. Desta vez, a área de intervenção foi o reaproveitamento de têxteis, numa iniciativa que envolveu a comunidade educativa e com duas sessões de costura nas instalações da Junta de Freguesia, que disponibilizou as máquinas.

Esta atividade inseriu-se na Semana Europeia da Prevenção de Resíduos, iniciativa que decorre anualmente em novembro por toda a Europa e tem como objetivo consciencializar os cidadãos para a redução de resíduos, para a reutilização de produtos e estratégias de reciclagem de materiais. O tema deste ano, “Têxteis Sustentáveis e Circulares”, tem como propósito desafiar os cidadãos a atenderem a estes princípios.

Para assinalar esta semana, a RESINORTE lançou o concurso “Desperdício está fora de moda”, com o objetivo de reaproveitar os têxteis para outras finalidades. Foi o que os alunos de Castelões fizeram e esperam ganhar este concurso provando que são eco-estudantes.

Famalicão: Equipas/grupos da D. Sancho apresentam-se

No dia 23 de novembro decorreu a apresentação dos vários grupos/equipas de desporto escolar do Agrupamento de Escolas D. Sancho I, apadrinhados por vários elementos do futebol de formação do F. C. Famalicão. Perante bancadas repletas de alunos e professores foram apresentadas as várias equipas, bem como os professores responsáveis e parceiros desportivos.

Nos discursos, de Helena Pereira, diretora do Agrupamento, do vereador do Desporto, Pedro Oliveira, e de Isabel Columbano, Coordenadora do desporto escolar, foi vincada a importância da prática desportiva, designadamente em contexto escolar, como fundamental no bem-estar e na formação integral dos jovens. Depois destas intervenções decorreu uma sessão fotográfica das várias equipas, terminando com uma foto de grupo demonstrativa da dinâmica e entusiasmo com que se vive o desporto na D. Sancho I.

Os responsáveis escolares agradecem a todos os que dão corpo e dimensão ao projeto, bem como ao “sponsor” – Bazar Desportivo – por, mais uma vez, colaborar com o desporto escolar deste agrupamento.

 

Famalicão: “Conferências da Educação” celebra Dia Internacional da Cidade Educadora

Esta quarta-feira comemora-se o Dia Internacional da Cidade Educadora e o Município de Vila Nova de Famalicão, em parceria com a Federação Concelhia das Associações de Pais, a CESPU – Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário e o Centro Formação de Associação de Escolas de Vila Nova de Famalicão, assinala a data com mais uma sessão do 4.º Ciclo de Conferências da Educação.

O debate centra-se nas ”Cidades plurais: integrar e valorizar a multietnicidade”, tendo Lurdes Teixeira, socióloga e mestre em Relações Interculturais, como oradora convidada. José Leite e Ademar Carvalho, técnicos do pelouro da Interculturalidade e Integração do Município, são os outros intervenientes no debate, que decorre a partir das 21 horas, no auditório da CESPU.

As inscrições para a Conferência podem ser feitas em http://www.famalicaoeducativo.pt/.

O Dia Internacional da Cidade Educadora é uma celebração que tem como objetivo criar consciência sobre a importância da Educação e dar visibilidade ao compromisso dos governos locais para a destacar como vetor gerador de bem-estar, convivência, prosperidade e coesão social.

Este ano, a celebração tem como tema “Cidade Educadora, cidade de paz e oportunidades”.

Famalicão: Louro/Mouquim distinguida com Selo Escola Amiga da Criança

A EB Louro/Mouquim foi, mais uma vez e pelo quinto ano consecutivo, distinguida pela Confederação Nacional das Associações de Pais (CONFAP) e a LeYa Educação, com o Selo Escola Amiga da Criança 2021. A distinção veio com a quinta edição da iniciativa “Escola Amiga das Crianças”, nas categorias de “Família” e “Digital”.

No âmbito desta iniciativa e (cor)respondendo ao desafio lançado, a EB Louro/Mouquim apresentou dois projetos, “Ler em Família” e “Mobile Learning com a BE”, que foram distinguidos entre milhares de candidaturas de todo o país.

Estes projetos foram implementados com os alunos, através da adoção de estratégias enriquecedoras e significativas, com o objetivo de promoção da leitura, da literacia digital e da formação integral dos alunos, em estreita ligação com a comunidade educativa, uma prática recorrente e que faz parte do ADN desta escola.