Câmara da Trofa inaugura sábado novos Paços do Concelho

No dia 5 de novembro, a Câmara Municipal da Trofa inaugura o seu edifício sede e deixa de ser o único no país sem paços do concelho. Recorde-se que Trofa é concelho desde 19 de novembro de 1998.

A cerimónia começa às 10h, com a presença de várias personalidades, como o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, a Ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, a presidente da Associação Nacional de Municípios, Luísa Salgueiro e o presidente do PSD, Luís Montenegro.

O dia de festa encerra com a fadista Mariza, pelas 18h30, nos Parques Nossa Senhora das Dores e Dr. Lima Carneiro, com entrada livre.

Num investimento superior a 10 milhões de euros e quase três anos depois do início da obra, os paços do concelho, situados junto ao Parque Nossa Senhora das Dores, irão concentrar, num único local, serviços que se encontravam distribuídos por 17 diferentes espaços.

Este novo espaço permitirá uma maior comodidade a todos aqueles que necessitam de resolver assuntos camarários e permitirá ao município uma poupança anual em rendas de cerca de 300 mil euros.

O novo edifício foi construído num local onde se encontrava uma antiga fábrica, tendo sido preservado parte do edifício histórico. Será autossustentável do ponto de vista energético e de consumo de água.

Para Sérgio Humberto, presidente da Câmara Municipal da Trofa, «é um orgulho poder concretizar este sonho, não apenas meu, mas de todos os trofenses, que nunca deixaram de acreditar que seria possível concretizar este projeto. É um orgulho poder deixar uma obra que honra todos aqueles que se deslocaram a Lisboa no dia 19 de novembro de 1998 e que, acredito, marca e marcará diferentes gerações de trofenses».

Sábado, 5 de novembro, entre as 14h30 e as 18h00 e domingo, 6 de novembro das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00, todos os trofenses estão convidados a visitar aquela que passará a ser “A Casa de Todos”.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Dia Internacional do Voluntariado assinalado na Trofa

A Câmara Municipal da Trofa comemora o Dia Internacional do Voluntário, no dia 5 de dezembro, com uma homenagem a todos os cidadãos que se dedicam à prática do voluntariado no Concelho.

A sessão, intitulada “Sentimentos de um Voluntário”, tem lugar no Auditório Fórum Trofa XXI, pelas 15h00. A primeira parte desta sessão comemorativa será dedicada ao debate e reflexão sobre a temática do voluntariado, nomeadamente, a sua importância para o desenvolvimento local e no seio das diferentes instituições.

«Pela sua dedicação e pelos seus esforços incessantes, todos os voluntários merecem o nosso profundo agradecimento e reconhecimento. Os voluntários são um apoio importante do nosso trabalho, substituindo-se, muitas vezes, às próprias responsabilidades do Estado, e materializando o contributo ativo da comunidade. Sem eles, seriam impossíveis muitas atividades de emergência social e de proteção da dignidade humana», realça Sérgio Humberto, presidente da Câmara Municipal da Trofa.

De recordar que a Câmara Municipal da Trofa tem um Banco Local de Voluntariado aberto à participação de todos os interessados. Mais informações em https://mun-trofa.pt/menu/477/banco-local-de-voluntariado-da-trofa.

 

 

Famalicão: Liga de Ribeirão inaugura novo memorial de homenagem aos combatentes do Ultramar

O Núcleo da Liga dos Combatentes da vila de Ribeirão inaugurou, no passado sábado, um novo memorial de homenagem aos combatentes do Ultramar.

As cerimónias contaram com a presença do presidente da autarquia, Mário Passos, do presidente do núcleo da Liga dos Combatentes, José Ferreira dos Santos, e do presidente da Liga dos Combatentes, Tenente-general Joaquim Chito Rodrigues. O autarca local, Leonel Rocha, bem como representantes de outras entidades, também marcaram presença neste momento.

Na ocasião, o edil famalicense, que no passado dia 11 de novembro recebeu das mãos de Chito Rodrigues a Medalha de Honra ao Mérito da Liga dos Combatentes, aquando das comemorações do 104º aniversário do Armistício da Grande Guerra, encarou a homenagem como «um ato de respeito e de homenagem por todos aqueles que interromperam a sua trajetória de vida para combater no Ultramar, mas também para as suas famílias».

O presidente do Núcleo da Liga dos Combatentes de Ribeirão, José Ferreira dos Santos, garantiu que o Núcleo «vai continuar a honrar o nome de todos aqueles que lutaram no Ultramar».

«Um farol de memória para as gerações mais antigas e uma referência na história para as futuras gerações». Assim viu, o presidente da Liga dos Combatentes, o novo mural.

Chito Rodrigues elogiou, ainda, a Câmara Municipal. «Ao associar-se a esta oportuna e generosa atitude, também reafirma a sua ligação à Liga dos Combatentes».

 

Famalicão: Clube de todo-o-terreno de Ruivães tem nova sede

O Clube TT Botta Fio, de Ruivães, tem uma nova sede que foi inaugurada no passado sábado. No antigo edifício da Escola Pré-primária, o novo espaço foi apresentado a todo os sócios e amigos desta associação. O edifício foi cedido pela Câmara Municipal, mediante protocolo, cuidando o clube do restauro de uma das salas, tornando-a mais agradável e acolhedora para servir de ponto de encontro dos sócios e para a preparação das atividades do clube. Este projeto teve, desde início, o apoio da Junta de Freguesia, na pessoa do seu presidente Duarte Veiga que marcou presença na abertura oficial da sede.

O Clube TT Botta Fio foi legalmente constituído 14 de abril de 2008, depois de ter já organizado algumas atividades. O objetivo da associação é promover atividades recreativas de aventura ao ar livre, tendo já realizado eventos pontuáveis para os campeonatos nacionais de Navegação e Trial 4×4, sendo reconhecida a nível regional e nacional e atraindo às suas organizações participantes de vários pontos do país.

Com a nova sede, constituída por um bar e uma sala de reuniões, num total de 60 metros quadrados, o Botta Fio espera que seja um ponto de encontro dos aficionados do todo-o-terreno em geral e dos seus sócios em particular.

Trofa com verdadeiro espírito natalício

Entre 1 e 23 de dezembro, o centro da Trofa é um verdadeiro Mercado de Natal, com divertimentos gratuitos, desde comboio de natal, mega rampa de gelo, pista de bumpers cars, casa do Pai Natal, presépios gigante, mega parada de Natal, animação de rua, ateliers, gospel, concertos, street food, feira do livro, mercadinho.

A Alameda da Estação e Parques Nossa Senhora das Dores e Dr. Lima Carneiro serão os locais onde a animação natalícia, de acesso gratuito, será constante.

A programação será variada com o objetivo de juntar a comunidade trofense no espírito natalício, perdido nos últimos dois anos devido à pandemia.

A inauguração do Mercado de Natal está programada para as 15 horas do dia 1 de dezembro com uma mega parada de Natal a percorrer o centro da cidade.

Mas há dias que a iluminação natalícia dá brilho às ruas da cidade, num convite ao Natal. A novidade deste ano foi a colocação de uma Árvore de Natal gigante com 16 metros de altura na Praça dos Paços do Concelho da Trofa.

A Árvore de Natal é um dos “photopoints” de Natal, onde todos os trofenses e todos aqueles que visitam a cidade podem tirar fotos e partilhar nas redes sociais.

Horário da feira do livro

Segunda a Quinta-Feira – 09h30 – 12h30 | 13h30 – 21h00

Sexta a Domingo – 09h30 -12h30 | 13h30 – 23h00

Horário do mercado

Sexta-Feira – 20h00- 23h00

Sábados, Domingos e Feriados – 15h00-23h00

Horário para a presença do Pai Natal

Sábados e Domingos – 16h00 – 18h00

 

 

 

Famalicão: AM Lameiras aprova orçamento que prevê intervenção no edifício

A Associação de Moradores das Lameiras reunida em Assembleia Geral, no dia 21 de novembro, aprovou o programa de ação e o orçamento para 2023.

Quanto ao orçamento, prevê um total de gastos no valor de 2.047.416,78 € e um rendimento no valor de 2.055.913,57 €, com um saldo previsional de 8.496,79 €.

O orçamento previsional prevê uma despesa a rondar os trezentos e cinquenta mil euros, destacando-se os investimentos previstos para construção das residências tipo T0, no Edifício das Lameiras.

Recorde-se que a Associação de Moradores das Lameiras possui um quadro de pessoal com cerca 90 funcionários, para atender a mais de mil utentes.

O presidente da Associação de Moradores das Lameiras, Jorge Faria, realça que «este é um programa ambicioso no que respeita ao Complexo Habitacional das Lameiras onde estão previstas intervenções materiais, e imateriais, visto o edifício necessitar de intervenções de maior abrangência, que visam a melhoria das condições habitacionais e requalificação de áreas comuns, contando para isso com o apoio do Município de Vila Nova de Famalicão, e dos moradores do Edifício das Lameiras, que têm um papel essencial no que concerne à intervenção imaterial».

O programa de ação aprovado tem como título: «Em Sintonia: Eu, o Outro e o Mundo», sendo que a grande aposta é o ambiente, em “Em Sintonia com o Mundo”.

Famalicão: Começou a Taça Intermunicipal MKA e traz novidades

A presente edição da Taça Intermunicipal MKA, que já arrancou, regressa ao formato inicial com equipas dos municípios de Famalicão e da Trofa (dada a ausência de competições de futsal em Santo Tirso), envolvendo três escalões: Seniores Masculinos e Seniores Femininos e Veteranos Masculinos.

Na edição 22-23 marcam presença 8 equipas de cada escalão, sendo 4 de cada município. As equipas foram divididas em duas séries, sendo os jogos a realizar a duas mãos, uma das novidades no formato organizativo. Os primeiros classificados de cada série defrontam-se numa finalíssima, marcada para o dia 3 de junho de 2023.

Em seniores masculinos participam a Outeirense, Aderm, S. Martinho e Acura, de Famalicão. Já oriundas da Trofa, estão Casa do FCP da Trofa, Paradela, Covelas e Guidões.
Em veteranos, voltam a competir nesta edição o Covense, o Grac, o S. Mateus e o Cajada, do lado famalicense; enquanto as equipas apuradas da Trofa são o Team Lantemil, S. Romão, AB92 e Alvarelhos.

A competição feminina será disputada por 10 equipas: Coronado, Inter-Milheirós, Alvarelhos, Rebordões, Vermoim, Malta, Fornelo, CD José Lopes, Maganha e Guidões.
A 1.ª jornada começou na sexta-feira, dia 18, no escalão de veteranos masculinos, enquanto os seniores masculinos jogam a 1.ª jornada apenas no próximo sábado. Por definir estão ainda as datas dos seniores femininos, escalão que contempla apenas equipas que militam na Trofa.

Os resultados da 1.ª jornada dos veteranos: série A: Covense 3 vs 3 Grac; Team Lantemil vs S. Romão (adiado); série B: Cajada 6 vs 2 Alvarelhos; S. Mateus 0 vs 6 AB92.

A segunda jornada tem lugar a 20 de janeiro.
Já os seniores masculinos entram em campo este sábado (dia 26 de novembro) com as seguintes partidas: Série A – Aderm vs Outeirense; Casa FC Porto vs Acura; Série B – Covelas vs Guidões; S. Martinho vs Paradela.

Na apresentação desta edição, realizada em Famalicão, o vereador do Desporto na Câmara de Famalicão, Pedro Oliveira, considerou esta competição extra-concelhia como um projeto consolidado que valoriza o desporto de Famalicão e da Trofa.

«Quer a AFSA quer a AFPT sentiram-se com vontade de abraçar este projeto conjunto e em boa hora o fizeram, porque o que acaba por acontecer é que aquela paixão e emoção que acontecem nos jogos do concelhio, quer em Famalicão, como na Trofa, vão ser transportadas para uma dimensão supra-concelhia, permitindo às equipas vivenciarem novas experiências e diferentes competições», referiu o vereador.

O autarca garante que da parte do município de Famalicão haverá sempre apoio às competições concelhias, deixando um agradecimento aos responsáveis pelo projeto «pelo contributo inestimável que dão ao desenvolvimento e à promoção do nosso território. Desejo que seja uma excelente Taça Intermunicipal e que no fim acabe por vencer o melhor», almeja.

Márcio Sousa, presidente da AFSA-Associação de Futebol Salão Amador de Famalicão, destacou o importante apoio da empresa famalicense MKA que empresta o seu nome à competição e mostrou-se satisfeito com a experiência realizada nas últimas duas edições. «O que está por detrás, apesar de ainda ser curto, demonstra que esta foi uma boa aposta», frisou o dirigente, agradecendo a disponibilidade do concelhio da Trofa. Por fim, Márcio Sousa explicou que, «infelizmente», o campeão concelhio (de seniores e de veteranos masculinos – AD Pedome) não marca presença nesta competição em virtude dos maus comportamentos dos seus adeptos e que levou o Município da Trofa a não permitir o acesso dos mesmos aos seus pavilhões.
A presidente da AFPT-Associação Futebol Popular da Trofa, Madalena Azevedo, estendeu os agradecimentos à empresa MKA e corroborou das palavras do seu homólogo famalicense. «Sabíamos que este era um projeto com pernas para andar e com sucesso garantido e o tempo tem-nos dado razão. Por isso contem connosco para lhe dar continuidade», frisando que a instituição foi forçada da «vedar a presença da AD Pedome durante algum tempo, na medida em que os pavilhões que usamos são propriedade do município».