Eurovisão: Ucrânia vence e Portugal fica em 9º lugar

Portugal ficou em 9º lugar na edição de 2022 da Eurovisão com a canção Saudade Saudade de Maro.

A Ucrânia foi a grande vencedora com 631 pontos.

“Stefania”, de Kalush Orchestra, foi o tema que reuniu a maior pontuação.

Rali de Portugal: Carro despista-se e deixa publico, que assistia em zona não autorizada, em pânico

A manhã deste domingo fica marcada no Rali de Portugal por um acidente que, por pouco, não terminou de forma trágica.

O carro de Teemu Suninen entrou em despiste numa curva. A viatura acabou por ser travada por uma árvore, numa zona ocupada por algumas pessoas, apesar de não ser autorizada a presença de público naquele local.

O momento foi transmitido em direto na televisão:

Não há informação de que deste episódio se tenham registado feridos.

 

Idosa de 89 anos morre depois de ser atropelada na N206 (Famalicão – Guimarães)

Uma mulher, com 89 anos de idade, faleceu depois de ser atropelada na estrada nacional 206 que liga Famalicão a Guimarães.

O acidente aconteceu ao início da noite deste sábado, na vila de Ronfe, no concelho de Guimarães, numa zona próxima do cruzamento com a Rua de Romãos.

Segundo avança o Guimarães Digital, a vítima foi colhida por uma viatura, conduzida por um jovem de 18 anos. Ambos sofreram ferimentos, no entanto, a idosa acabou por ser transportada para o Hospital de Braga em estado grave, tendo acabado por falecer mais tarde naquela unidade hospitalar.

Fonte: Guimarães Digital

 

Vídeo: Cena de pancadaria antecipa fim do Turiz x Inter de Fradelos (Braga)

O jogo entre o ADCR Turiz e o Inter de Fradelos, da Liga Inatel, foi interrompido este sábado à tarde, na sequência de desacatos, dentro e fora do relvado.

Imagens: O Vilaverdense

Segundo revela o jornal O Vilaverdense, o jogo era de caráter decisivo e os desacatos terão começado a meio da segunda parte, numa altura em que o marcador estava empatado ( 1 – 1 ). Com este resultado, o Turiz sagrava-se campeão, no entanto, como a partida não chegou ao fim, cabe ao INATEL decidir o que vai acontecer.

A GNR foi chamada a intervir e tomou conta da ocorrência.

Para o próximo domingo, a final da Taça INATEL disputa-se no concelho de Vila Nova de Famalicão, precisamente entre estas duas equipas, no Campo Desportivo José da Costa Rodrigues (GRAL), na freguesia da Lagoa. A partida está marcada para as 16h00.

Técnicos de Emergência Médica denunciam falta de equipamento do INEM em acidente na A1

Em comunicado enviado à Lusa, a ATEM, depois de lamentar as três mortes, alerta que “as equipas do INEM não dispõem de equipamentos de proteção individual adequados à intervenção neste tipo de incidente”, salientando que os membros do INEM que participaram na operação de socorro na A1 “apresentavam-se unicamente de capacete, sem qualquer outro equipamento de proteção individual, nomeadamente casaco ou calças conforme ditam as mais elementares regras”.

Segundo aquela associação, “em todo o tipo de intervenção a regra nº 1 é a garantia da segurança das equipas que intervêm na prestação dos cuidados e socorro, o que aqui esteve em causa”.

A ATEM deixa, por isso, críticas ao INEM: “Aquilo que se deveria afigurar uma preocupação do INEM, a dotação das suas equipas de equipamentos de proteção individual, adequados à sua intervenção neste tipo de incidente, parece não ser prioritário, o que se lamenta e não se compreende”.

Com base na análise das imagens do acidente, que causou três mortos, seis feridos graves, cinco críticos e 22 feridos ligeiros, a ATEM realçou o facto de os elementos do INEM estarem só “com capacete e polo de manga curta” dentro do autocarro acidentado.

“Podemos de forma segura afirmar que as condições de segurança destes não estavam garantidas, podendo em última análise tornarem-se de igual modo em vítimas”, realça.

Além do equipamento inadequado por parte das equipas do INEM, a ATEM critica o número de pessoas no local: “De igual modo, alertamos para a presença de elementos alheios às operações, demasiadamente próximos, o que para além de colocar estes em risco, dificulta a prestação de cuidados e socorro das equipas empenhadas Teatro de Operações”.

O autocarro partiu esta manhã de Guimarães, no distrito de Braga, com peregrinos oriundos de três freguesias daquele concelho e tinha como destino o Santuário de Fátima, tendo-se despistado e embatido num poste elétrico cerca das 09:20 na A1, na zona da Mealhada.

No local, a Proteção Civil adiantou aos jornalistas que estiveram no terreno 57 viaturas, das quais cinco eram médicas e duas ambulâncias com suporte imediato de vida, 130 operacionais, um helicóptero, que acabou por não ser necessário utilizar, e duas equipas de apoio psicológico.

Dos feridos, foram transportados para o Hospital Universitário de Coimbra oito (três críticos e cinco graves) e 12 ligeiros, sendo que para o Hospital de Aveiro foram encaminhados dois feridos críticos, um ferido grave, oito feridos ligeiros e duas crianças, que foram socorridas no Hospital Pediátrico.