Famalicão: Atleta da AD Pedome conquista pódio em prova no Porto

A Associação Desportiva de Pedome participou, através da secção desportiva, na Corrida do Parque à Noite, que teve lugar no dia 1 de outubro, no Parque da Cidade do Porto. Chegou ao pódio por intermédio de Rafael Pereira, que foi terceiro, com 22:23, na distância de oito km, com partida e chegada no recinto do Queimódromo.

«É um orgulho para a nossa secção de atletismo ver este e outros atletas crescerem, fruto do seu enorme esforço individual e trabalho coletivo», referem, em comunicado.

Este atleta tem já 6 pódios conquistados na presente época 21/22, em corridas de estrada.

Recorde-se que a Corrida do Parque à Noite é organizada pela Runporto.com, com o apoio da Câmara Municipal do Porto, Ágora, Associação de Atletismo do Porto e Conselho Regional de Arbitragem da AAP.

 

6 Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Famalicão: Município presta homenagem aos mortos da Grande Guerra e deixa promessa de outro monumento

A Câmara Municipal de Famalicão tem intenção de erguer um novo memorial na cidade em homenagem aos ex-combatentes do Ultramar. O anúncio foi feito no dia da inauguração das obras de restauração e conservação do monumento de homenagem “Aos mortos da Grande Guerra”, localizado na Praça 9 de Abril. Trabalhos promovidos pela autarquia, no âmbito do centenário do monumento, que implicaram um investimento municipal de 15 mil euros.

A inauguração foi no domingo, dia 14 de abril, com a presença do executivo municipal, vários representantes da Liga dos Combatentes, da ADFA – Associação dos Deficientes das Forças Armadas e do Exército Português.

«Aquilo que hoje quisemos transmitir é a nossa vontade e convicção de que devemos honrar a história. Porque é na nossa história e na nossa memória que encontramos as nossas raízes e os alicerces que sustentam o nosso futuro enquanto comunidade», exaltou o presidente da Câmara, ao mesmo tempo que homenageou todos aqueles que defenderam «com coragem e sacrifício a nossa bandeira e o nosso país».

O edil apontou o restauro desenvolvido como um «bom exemplo de preservação e salvaguarda do nosso património», adiantando ainda que a autarquia vai reeditar duas obras da autoria do historiador famalicense Amadeu Gonçalves, publicadas em 2018, aquando das comemorações do centenário da trágica Batalha de La Lys – considerada um dos maiores desastres militares da história de Portugal – e que honram a memória dos mais de 500 famalicenses que participaram neste combate: “Dicionário dos expedicionários famalicenses” e “A I Guerra Mundial e as suas repercussões em Vila Nova de Famalicão”.

Na Praça 9 de Abril está, também, por estes dias, uma exposição “100 anos de Memórias: Monumento aos Mortos da Grande Guerra”. Ao longo dos doze painéis que compõem a mostra, os visitantes terão a oportunidade de conhecer as circunstâncias que originaram a Primeira Guerra Mundial e a entrada de Portugal neste conflito, o surgimento do exército português que combateu no teatro de operações, conhecido como “Corpo Expedicionário Português”, muitos deles originários do Minho e, particularmente, de Vila Nova de Famalicão e a trágica Batalha de La Lys. Pretende, ainda, dar a conhecer os fatores que levaram à construção deste tipo de memorial um pouco por todo o país; os antecedentes e a sua inauguração em Vila Nova de Famalicão; a simbologia que representa, bem como a revolução urbanística e toponímica que a sua edificação originou no local onde se encontra.

Recorde-se que a decisão de construir um monumento aos mortos da Primeira Grande Guerra foi tomada na reunião camarária de 9 de fevereiro de 1920, na sequência de um ofício-circular da Junta Patriótica do Norte, que propunha a sua construção em todos os concelhos do país. A inauguração deste monumento viria a produzir, já em 1927, a última alteração toponímica nesta praça, ficando a designar-se Praça 9 de Abril.

Famalicão: “Guardas” de palmo e meio apelam à prevenção dos maus tratos na infância

No último sábado, mais de uma dezena de crianças e jovens da Associação Teatro Construção percorreram a Feira Semanal de Joane, numa ação de sensibilização para a prevenção dos maus tratos na infância, uma iniciativa que decorreu em parceria com a GNR local.

“É pela voz dos mais novos que a transmissão desta importante mensagem tem mais força”, afirma Mário Passos, presidente da Câmara Municipal.

A ação foi desenvolvida no âmbito do Mês da Prevenção dos Maus Tratos na Infância, assinalado pela CPCJ – Comissão de Proteção de Crianças e Jovens, em parceria com a autarquia famalicense.

Famalicão: Inclusão em debate no VI Ciclo de Conferências em Educação

A inclusão é tema em discussão em mais uma sessão do VI Ciclo de Conferências em Educação, a decorrer na noite de quinta-feira, 18 de abril, no Centro de Estudos Camilianos, a partir das 21 horas.

O debate em torno da “Educação e Autonomia: transição pós-escolar”, bem como as respostas existentes para jovens e adultos com deficiência ou incapacidades e o trabalho feito em diferentes níveis de intervenção da rede de parceiros para o desenvolvimento de respostas facilitadoras de inclusão e equidade, estarão em análise neste fórum.

Célia Maia da AFPAD – Associação Famalicense de Prevenção e Apoio à Deficiência e Rosário Ferreira, do Agrupamento de Escolas Camilo Castelo Branco, serão as oradoras.

Como trabalham nas várias respostas sociais, como fomentam a inclusão na comunidade, a passagem da escola para o universo laboral ou como as dinâmicas estimulam as competências de jovens e adultos com vista à sua autonomia, são alguns dos assuntos a explorar com a plateia. As inscrições podem ser feitas em www.famalicaoeducativo.pt

Famalicão: Programação da Casa do Artista Amador de 17 a 20 de abril

Já é conhecida a programação para a Casa do Artista Amador ao longo da semana, de quarta-feira a sábado.

No dia 17 (quarta-feira) haverá Café Filosófico às 21h30, um momento cultural com entrada livre.

Filomena Fonseca, com um vasto trajeto na área da literatura e pintura vai conversar sobre Atalhos de uma vida – Abordagem Literária.

Na sexta-feira, dia 19, é dia da já habitual Jam Session da CAA, aberta a todos os músicos que queiram participar, com inscrição feita na hora.

No sábado, dia 20, será a primeira semifinal do Laurus Metal Battle, com abertura de portas às 21h00, onde vão participar as bandas INN CULT, AOIDOS e TSUNAMI. A entrada tem um custo de 3€, sendo gratuita apenas para quem já adquiriu o passe para o Laurus Nobilis 2024.

Pode fazer a sua reserva através do 969 489 422 (Whatsapp).

Famalicão: Forjães-Joane jogam dez minutos na noite desta quarta-feira

Na noite desta quarta-feira, às 21 horas, o GD Joane vai cumprir os dez minutos em falta da partida com o Forjães. A conclusão deste jogo, da 21.ª jornada da pró nacional da AF Braga, que foi interrompido pelo árbitro que alegou falta de condições de segurança, terá lugar no Estádio Horácio Queirós, em Forjães.

A equipa de Duarte Nuno está a vencer, por 1-3. O GD Joane oferece, aos primeiros 20 sócios a dar o nome na secretaria, transporte gratuito.

Caso os joanenses confirmem a vitória, sobem ao primeiro lugar da pró nacional, com 59 pontos, mais um que o Maria da Fonte.

Foto arquivo

Famalicão: Mercado da Primavera na EB Nuno Simões

Legumes e frutas da época, bolos e doces caseiros, salgados, artesanato e muito mais é o que pode encontrar, esta quinta-feira, no Mercado da Primavera que vai decorrer na EB 1,2 Nuno Simões, em Calendário.

A feira, no átrio da escola, estará aberta das 9 às 18 horas, sendo uma iniciativa de angariação de fundos da Associação de Pais.