Famalicão: Museu Bernardino Machado retoma ciclo de conferências

O Museu Bernardino Machado relança o ciclo de conferências “Conspirações, Revoltas e Revoluções na I República”. O projeto, interrompido por causa da evolução pandémica, inicia-se no dia 28 de janeiro, com o tema “O 5 de Outubro de 1910”.

No total, vão ser realizadas nove conferências, mensalmente. Os encontros iniciam-se às 19h00 e decorrem às sextas-feiras. A entrada é livre e é necessário a apresentação de Certificado Digital Covid-19 ou de comprovativo de realização laboratorial de teste com resultado negativo. As inscrições podem ser realizadas em https://bit.ly/cicloconferencias2022mbm e os participantes vão receber um certificado de presença.

Segundo o coordenador científico do Museu Bernardino Machado, Norberto Cunha, «a eleição da temática Conspirações, revoltas e revoluções na I República (1910-1926) deve-se a circunstâncias fáceis de reconhecer num mundo contemporâneo onde a violência armada tem sido uma constante nas “nações” e onde não cessam de ser notícia revoluções, revoltas e conspirações que nelas surgem».

Para o coordenador, «o que realmente nos importa com esta temática é em 1º lugar, procurar compreender porque é que os adversários políticos recorrem à violência armada e não à negociação e ao gradualismo político para solucionar os seus conflitos; em 2º lugar, que conexões podem estabelecer-se entre esses conflitos e as ideias de Estado-nação e de nacionalismo; em 3º lugar, perceber se esses confrontos são uma expressão da evolução social (e, nessa medida, inevitáveis) ou expressão de vontades livres, mais ou menos individuais (e, nessa medida, confrontos evitáveis); em 4º lugar, que motivações – e de que natureza–estiveram na origem das principais revoltas, revoluções e conspirações que ocorreram entre nós, de 1910 a 1926».

A primeira conferência inicia-se às 19h00, no Museu Bernardino Machado, e conta com a oradora convidada, Ana Paula Pires, doutorada em História, especialidade de História Económica e Social Contemporânea, pela NOVA-FCSH. O segundo encontro decorre no dia 25 de fevereiro com o tema “O Movimento Revolucionário republicano-radical do capitão Lima Dias (27 de abril de 1913)”. A 18 de março, desenrola-se a conferência “A Revolta de 14 de Maio de 1915” e, a 22 de abril, a “Das incursões couceiristas à Monarquia do Norte (1910-1919)”.

“O golpe sidonista de 5 de Dezembro de 1917”, “A revolta de 19 de Outubro de 1921”, “A revolta de 18 de Abril de 1925”, “A intentona radical de 1 de Fevereiro de 1926” e “A revolução de 28 de Maio de 1926” são os temas apresentados nos dias 27 de maio, 24 de junho, 23 d setembro, 21 de outubro e 18 de novembro, respetivamente.

Famalicão: Jovem atropelada este sábado no centro da cidade sofreu ferimentos ligeiros

Sofreu ferimentos ligeiros e já teve alta hospitalar a jovem que, na tarde deste sábado, foi colhida por um automóvel, na Avenida 25 de Abril, no centro da cidade de Vila Nova de Famalicão.

O acidente aconteceu cerca das 14h50 e no socorro estiveram as duas corporações de bombeiros da cidade.

A vítima foi encaminhada para a unidade de Vila Nova de Famalicão do Centro Hospitalar do Médio Ave.

Famalicão: Bombeiros acionados para viatura em chamas na freguesia de Arnoso Sta Maria

Os Bombeiros Voluntários Famalicenses foram acionados, na manhã deste domingo, para um incêndio em viatura.

O incidente aconteceu cerca das 08h20, na Rua Primeiro de Novembro, na freguesia de Arnoso Santa Maria.

Segundo aquela corporação, para o local foram mobilizados oito elementos em duas viaturas.

Não há registo de feridos.

Famalicão: Riba d’Ave HC vence Torneio Abertura da AFSA

A equipa de futsal do Riba d’ Ave venceu, este sábado, o Torneio de Abertura da segunda divisão, prova promovida pela AFSA – Associação Futebol Salão Amador de Vila Nova de Famalicão.

A formação ribadavense levou a melhor sobre o Covense, numa final que apenas foi decidida nas grandes penalidades.

Foto Riba d’Ave

Famalicão: GD Natação fecha primeiro dia em segundo lugar

Terminado o primeiro dia de provas, os nadadores famalicenses somam 197 pontos, a 10 pontos do primeiro classificado e a 34 do quarto, posição que já não permite a subida de divisão.

Em femininos, a formação famalicense é 11.º classificada, com 146 pontos.

Da equipa famalicenses e em termos individuais, realce para Rodrigo Pereira, segundo nos 200m Mariposa, e a estafeta masculinos que foi terceira nos 4x100m Estilos.

No primeiro dia disputaram-se 18 das 38 provas que totalizam o programa do Campeonato Nacional de Clubes da 2.ª Divisão. A União Piedense, em masculinos, soma 207 pontos à frente do Grupo Desportivo Natação (197) e Vikings Sports Club (178), clubes que estão na linha de promoção à 1.ª divisão.

Em femininos, a Associação Louzan Natação/EFAPEL lidera com 214 pontos.

Ascendem à 1.ª Divisão, os 1.º, 2.º e 3.º classificados masculinos e femininos.

O Campeonato Nacional de Clubes da 2.ª Divisão é organizado pela Federação Portuguesa de Natação, em parceria com a Associação do Centro Norte de Portugal e a Câmara Municipal de Estarreja.

Famalicão: Jovem atropelada na Avenida 25 de abril

Uma jovem foi, na tarde deste sábado, atropelada no centro da cidade de Famalicão.

O acidente aconteceu por volta das 14h50 e para o local foram acionados as duas corporações de bombeiros do concelho.

A vítima deverá ser encaminhada para uma unidade hospitalar da região.

Não há informação sobre o seu estado de saúde.

Famalicão: Homem fica em estado grave depois de despiste em Oliveira S.Mateus

Um homem ficou, esta sexta-feira, em estado grave, depois do despiste da viatura que conduzia, em Oliveira São Mateus.

O acidente aconteceu em plena EN310, cerca das 18h00.

Para o socorro foram acionados os Bombeiros Voluntários de Riba d’Ave e a VMER.

A GNR tomou conta da ocorrência.