Famalicão: Paulo Cunha sublinhou a importância das políticas locais na prevenção e combate à criminalidade

O presidente da Câmara Municipal participou, no dia 11 de março, no 14.º Congresso das Nações Unidas para a Prevenção do Crime e a Justiça Penal. A iniciativa, que decorreu entre 6 e 12 de março, em Quioto, no Japão, teve como lema “Fazer avançar a prevenção da criminalidade, a justiça penal e o Estado de direito: para a realização da Agenda 2030”.

Paulo Cunha, na sua intervenção que decorreu via online, anotou a importância das políticas locais na prevenção e combate à criminalidade e na promoção da integração social. O autarca anuiu que, «tradicionalmente, esta é uma área entregue às instituições internacionais e aos governos nacionais», mas deu conta de outros níveis de governação, como é o caso dos municípios, «que podem fazer muito por este tema». Paulo Cunha fala numa espécie de «glocalização», onde as ações locais são, do seu ponto de vista, «essenciais para a obtenção de resultados globais».

Paulo Cunha apontou, ainda, alguns exemplos do trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pelo Município «e que contribui para a prevenção e combate à criminalidade», destacando a criação de um plano educativo forte e inclusivo; a promoção e criação de uma agenda multicultural local; a perceção da prática desportiva enquanto “receita social”; a implementação de uma estratégia local de desenvolvimento integrado e a criação de um novo modelo de governança «onde cada cidadão tem um papel importante a desempenhar no desenvolvimento da comunidade».

De resto, acrescentou Paulo Cunha, «só vamos prevenir o crime se estivermos a erradicar a fome, a acabar com a pobreza, se tivermos educação para todos, se reduzirmos as desigualdades e se não deixarmos ninguém ficar para trás».

Ministério da Educação confirma: Escolas vão começar sem medidas Covid-19

O Ministério da Educação confirmou ao Jornal Público que o arranque do ano letivo vai acontecer sem medidas de combate à propagação do vírus da Covid-19.

Àquela publicação, o organismo do governo refere que “a abordagem aos casos de suspeita ou confirmação de infeção por SARS-CoV-2 é implementado através das medidas e ações constantes na Norma 004/2020” e que “não existem medidas específicas para as escolas”.

 

GNR com mais fiscalização esta semana nas estradas portuguesas

Em comunicado, a GNR explica que, com esta ação (‘Roadpol – Speed’), que decorre até dia 14, domingo, pretende igualmente sensibilizar a sociedade para a importância da adoção de comportamentos mais seguros por parte dos condutores, tendo em vista a promoção da segurança rodoviária e a salvaguarda de vidas humanas.

A ‘RoadPol’ é uma organização que foi estabelecida pelas polícias de trânsito da Europa, com a finalidade de melhorar a segurança rodoviária e a aplicação da lei nas estradas.

“Estas operações, de âmbito europeu, têm como principal finalidade a criação de um ambiente rodoviário mais seguro através de uma intervenção simultânea sobre as principais causas de acidentes”, refere a GNR, sublinhando que se procura “influenciar positivamente” os condutores, levando-os a adotarem comportamentos que privilegiem uma condução segura, em detrimento de comportamentos de risco.

Em 2021, a GNR registou um total de 69.186 acidentes de viação, sendo que destes, pelo menos 3.564 tiveram como principal causa o excesso de velocidade.

Relativamente à fiscalização da velocidade, no ano passado foram registadas 142.721 infrações.

Famalicão: A última subida à Torre de Tiago Machado

O ciclista famalicense, que em junho passado assumiu que finda esta época deixará a caravana velocipédica, subiu este domingo, pela última vez, ao alto Torre. Mítica etapa da Volta a Portugal.

Em jeito de nostalgia escreveu nas redes sociais: “A minha última subida ao alto da Torre enquanto ciclista profissional.
Obrigado a todos pelo apoio, em especial à minha família e amigos mais próximos por mais este última ” valeta” da Torre”, agradeceu Tiago Machado.

O famalicense é um dos ícones do ciclismo nacional, tendo cumprido ao longo da sua profícua carreira três edições da Volta a França, cinco à Espanha e duas a Itália. Em representação de Portugal participou em cinco Campeonatos do Mundo. Mas os seus créditos e currículo é bem mais vasto…

Atualmente, e na Volta a Portugal, Tiago Machado corre pela Rádio Popular – Paredes – Boavista.

Foto: Facebook Tiago Machado

Famalicão: Sistema do Museu Bernardino Machado disparou alerta de incêndio que não se confirmou

Os Bombeiros Voluntários Famalicenses foram, na manhã deste domingo, alertados para uma possível situação de incêndio no Museu Bernardino Machado, no centro de Vila Nova de Famalicão.

O alerta terá chegado através do sistema de deteção de incêndio daquele espaço, avançam os soldados da paz.

Chegados ao local, e depois dos trabalhos de reconhecimento, não foi detetado nenhum foco de incêndio, pelo que a Rua Adriano Pinto Basto, no coração da cidade, foi reaberta e a ocorrência dada como concluída.

É de Famalicão jovem que morreu num trágico acidente de viação em Guimarães

É de Vila Nova de Famalicão o jovem que, esta madrugada, faleceu na sequência de um trágico acidente de viação, na vila de Brito, em Guimarães.

A vitima seguia numa viatura que, por razões desconhecidas, entrou em despiste e acabou por ser travada metros depois, na sequência de ter embatido contra um muro e um poste.

Deste sinistro resultaram ainda outros três feridos, considerados ligeiros.

No socorro estiveram Bombeiros de Guimarães e das Taipas, bem como a equipa da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) de Guimarães.

A GNR tomou conta da ocorrência.