Famalicão: “Sons do Bairro” contra a desigualdade e pela inclusão

O projeto “Sons do Bairro”, promovido pelo município de VN Famalicão, já existe há cerca de um ano, tempo que o levou a reunir 20 jovens e adultos do concelho famalicense. Está a crescer nas urbanizações municipais, mas é aberto a todos.
Um dos objetivos é que através da música, os cidadãos, e não apenas os jovens, possam interagir com outros, partilhar conhecimentos e produzir músicas. Agora também com estúdios de gravação no Bairro da Cal, além dos estúdios da Casa da Juventude.
O presidente da Câmara Municipal, Mário Passos, explica que o “Sons do Bairro” foi pensado para reduzir desigualdades, promover a integração e a inclusão, fortalecer laços comunitários e promover o respeito pela diversidade cultural. «É com projetos como este que conseguimos alcançar um mundo socialmente mais coeso, mais justo, inclusivo e integrado», acrescenta o autarca.
Pelos estúdios de música do “Sons do Bairro” já passaram crianças, jovens e adultos. São orientados por Franklin Monteiro, também conhecido por Francão, e por João Costa. São eles quem orienta e ajuda quem chega para produzir música e partilhar conhecimento.
João, 25 anos, natural da freguesia de Ruivães, é autor da peça que se faz ouvir nas colunas do estúdio. «Na música, quanto mais partilharmos uns com os outros, melhor, porque ninguém faz boa música sozinho», afirma. Aqui, todos têm estilos muito diferentes – o que inspira e motiva João. «Ao misturarmo-nos, ganhamos sempre um bocadinho», acrescenta.
Francão, de 45 anos, é músico. Ensinar aos outros o poder da música é algo que conhece bem. Já há 12 anos que trabalha junto das urbanizações municipais e que ajuda os demais a contactarem com diferentes estilos musicais. «Fui trabalhando a percussão na urbanização da Cal e desenvolvemos um grupo», explicou. Com o avançar dos tempos, o grupo foi mudando, alguns saíram, e o músico decidiu explorar a gravação e a produção de composições com os que ficaram.
Foi a partir deste trabalho junto das urbanizações que a Câmara Municipal decidiu lançar o projeto “Sons do Bairro”.
Lucas, de 18 anos, além de gravar as suas composições, está a iniciar a sua formação artística no projeto. Já escrevia, fazia rimas, mas só agora é que está a consolidar aprendizagens. «Aqui, há muitas pessoas, de culturas diferentes, com experiência e eu posso só ir recolhendo ideias que demorariam anos e anos a serem conseguidas por outros artistas», admite. Também com “Sons do Bairro” Lucas desenvolve outras competências: «ser músico envolve muita responsabilidade, muito foco. Ser músico implica termos de nos conhecer. E se eu desenvolver o meu caráter musical com o que vou aprendendo, conseguirei ser um artista de sucesso», expressa.
Atualmente, o projeto já reúne “mais gente de fora” do que dos Bairros. «Estamos a desmitificar a ideia de que o bairro só tem aspetos negativos», conclui João Costa.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Famalicão: Johnny Abreu e Tiago Maroto na festa a Santa Ana em São Joaquim

A freguesia de Oliveira S. Mateus está em festa até domingo, com as celebrações a Santa Ana e São Joaquim. O cartaz apresenta, por exemplo, os cantores Johnny Abreu (sexta-feira), Tiago Maroto (sábado), os dj´s Los Bandidos (sábado), a Banda Marcial de Arnoso, cantares ao desafio com Domingos Soalheira e Adília de Arouca e o folclore, com o Rancho As Lavradeiras de Santa Maria de Oliveira.

Há, também, vários momentos religiosos, como a missa, às 11 horas, de domingo, e a procissão solene a decorrer durante a tarde do mesmo dia, a partir das 17 horas.

Confira no cartaz toda a programação destas populares festividades de Oliveira S. Mateus.

Famalicão: Voluntários da HumanitAVE foram recebidos pelo Embaixador de Portugal na Guiné-Bissau

Dez voluntários da HumanitAVE estão na Guiné-Bissau para levar a cabo mais uma missão de ajuda humanitária, onde colocam mãos à obra para fazer a diferença na vida de quem mais precisa.

Com vários projetos em curso na área da logística, saúde, educação, fisioterapia e direitos humanos, os voluntários enfrentam desafios diários que foram reconhecidos pelo Embaixador de Portugal na Guiné-Bissau, Miguel Cruz Silvestre.

Numa reunião informal, depois de conhecer melhor o trabalho da HumanitAVE em território Guineense, as dificuldades e os desafios enfrentados, o embaixador reforçou o apoio já prestado ao trabalhado desenvolvido pela associação famalicense.

Numa partilha nas redes sociais, a HumanitAVE agradece a “amabilidade e simpatia com que foram recebidos”.

A 21ª Missão Humanitária teve início a 19 de julho e termina a 2 de agosto.

Famalicão: Riba d´Ave/Sifamir reforça-se com goleador

Bruno Dinis (ex-USC Paredes), de 26 anos, é reforço do Riba d´Ave/Sifamir. O defesa/médio, em 26 partidas da época passada apontou 27 golos.

É a segunda cara nova do plantel, depois do anúncio de Nahuel “Nanu” Castro (ex-HC Turquel).

O Riba d´Ave/Sifamir renovou com a equipa técnica liderada por Raúl Meca e do plantel da época passada foi anunciada a continuidade de Rui Silva “Folhetas”, Franco Pósito, Anderson “Nery”, Gustavo Pato e Álvaro Shehda.

O treinador Raul Meca será coadjuvado por Eduardo Paiva, Horácio Ferreira e Ricardo Nogueira.

Famalicão: Martim Almeida regressa a casa (FAC)

O jovem hoquista famalicense, depois de ter feito toda a formação no FAC, até aos seniores B, está de regresso a casa. Martim Almeida jogou, na época passada, na Juventude de Viana e regressa para ajudar a equipa a subir à subir à 1.ª divisão, tal como fez na formação de Viana do Castelo.

Outras novidades do plantel são as contratações de Carlos Figueira (ex-Infante de Sagres) e o também regresso do guarda-redes Tiago Freitas (ex-AD Valongo), que representou o FAC em 22/23. Estes reforços juntam-se ao já anunciado Márcio Sisti (ex-Juventude Pacense)

Depois de confirmada a continuidade de Juan López, o FAC também já tinha anunciado as renovações de Carlos Dias e Miguel Santos. Recorde-se que a equipa de hóquei em patins do Famalicense, que será treinada por Miguel Viterbo, vai disputar o nacional da 2.ª divisão com o objetivo de regressar à principal divisão.

Famalicão: 30º Passeio Convívio da Associação Desportiva do Carril já tem data marcada

A 15 de setembro vai decorrer o 30º Passeio Convívio organizado pela Associação Desportiva do Carril, da freguesia de Mogege. Estão convidados todos os associados, amigos e população da freguesia.

O destino do Passeio Convívio é o Parque de Lazer Montedeiras, em Marco de Canaveses.

A saída está agendada para as 07h30, junto ao café JJ e o dia será preenchido com vários jogos tradicionais para todas as idades, não faltando o tradicional campeonato de sueca. A meio da tarde, como já é habitual, haverá bolo e champanhe.

As inscrições decorrem até ao dia 31 de agosto, aos sábados, entre as 16h00 e as 18h00, na Sede da Associação Desportiva do Carril.

A organização promete um dia repleto de alegria e animação.

Famalicão: Riopele junta funcionários para celebrar a família

Cerca de mil pessoas, entre funcionários e respetivas famílias, reuniram-se no dia 14 de julho para celebrar o “Family Day” da Riopele.
Nas redes sociais, a empresa têxtil de Pousada de Saramagos fala de um dia pleno de alegria, com diversas atividades e prémios para 30 famílias.
O presidente da Riopele, José Alexandre Oliveira, assinalou o momento assumindo que a empresa visa construir uma cultura que não valorize apenas o trabalho, «mas também os laços que nos unem a todos. Foi maravilhoso reencontrar antigos colegas e dar as boas-vindas às suas famílias na família Riopele, neste evento inesquecível».