Famalicão: Xutos, Maninho e T-Rex animam Festas Antoninas

Xutos e Pontapés, o brasileiro Maninho e o rapper português T-Rex são alguns dos nomes do cartaz das festas do concelho famalicense, que a organização municipal acredita serem as maiores de sempre, por causa do cartaz, do número de dias de festa e porque este ano têm o maior orçamento de sempre.

Classificadas como Património Cultural Imaterial de Portugal, as Festas Antoninas decorem de 7 a 13 de junho, mais dois dias do que no ano passado, aproveitando o feriado do dia 8.

Pelo palco principal das Antoninas, instalado na Praça D. Maria II, vão passar os Xutos e Pontapés (7 de junho), Costinha (8 de junho), Maninho (9 de junho), T-Rex (10 de junho) e os Sopa de Pedra (11 de junho). Os Toninho’s prometem chamar os mais jovens para dançar na noite do dia 10 de junho ao som de DJ’s convidados.

Mas as atividades são mais, assim como o orçamento, que é superior a 600 mil euros. São quase quarenta atividades, numa festa de cariz popular onde não falta a sardinha assada, as farturas, o manjerico, o algodão doce, os carrosséis, os bailaricos ao som da música popular, entre outros.

Uma das iniciativas muito esperadas acontece na noite do dia 12 de junho, véspera de feriado municipal, com o desfile das Marchas. Saem para a rua às 21h00, com o tema ‘Gentes da Lavoura’. Estão inscritas 8 marchas que já estão em ensaios e preparativos. A primeira a desfilar é a marcha da Fraternidade Nun’Alvares, de Vale S. Cosme, uma das estreias do ano. O desfile segue com a marcha da Casa do Povo de Ruivães, da LACS – Associação Cultural S. Salvador da Lagoa, da União de Freguesias de Gondifelos, Cavalões e Outiz, da Associação Recreativa e Cultural de Antas, da Associação Cultural e Desportiva de S. Martinho de Brufe, da Associação Recreativa e Cultural Flor do Monte – Carreira e da Associação Cultural e Recreativa S. Pedro de Riba D’Ave.

Ainda no que diz respeito ao programa cultural das Antoninas, nota também para o 4.º Encontro de Cavaquinhos no dia 8, a Caminhada Camiliana, o desfile “Tocá Bombar” e o desfile etnográfico no dia 10, para a tarde de música popular na Praça D. Maria II no dia 11, e para as atuações de Maria do Sameiro no dia 12, e dos Terceira Dimensão, no anfiteatro do Parque da Devesa, no encerramento das Antoninas no dia 13.

Embora populares, as Festas Antoninas têm uma forte vertente religiosa, centrada no feriado do dia 13 de junho, com a procissão em honra de Santo António a percorrer as principais ruas da cidade. Antes disso, pela manhã, realiza-se a Missa e a distribuição do Pão, cumprindo-se uma tradição secular.

A festa faz-se nas ruas e também a correr, com destaque para o Grande Prémio de Atletismo Bernardino Machado, no dia 11.

Como sempre, as crianças abrem as festas com as Marchas Infantis. Com muita alegria e cor, desfilam pela cidade, na sexta-feira, 9 de junho.

Recorde-se que as Festas Antoninas de Famalicão foram recentemente inscritas no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial (INPCI), em resultado de um processo iniciado em 2015 com a adesão do Município de Vila Nova de Famalicão ao projeto regional ‘Romarias do Minho’, lançado pela Associação de Festas de São João de Braga, que reuniu mais de duas dezenas de municípios do Minho, com o intuito de garantir a autenticidade e tipicidade das festas populares desta região.

Programa completo da edição deste ano das Festas Antoninas em www.famalicao.pt.

 

1 Comment

  1. There are almost forty activities, in a popular festival where there is no shortage of grilled sardines, farturas, basil, cotton candy, carousels, dancers to the sound of popular music, among others.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Associação Cultural & Artística Famalicão Fado celebrou terceiro aniversário

Na noite do passado sábado, no Espaço Acafado, houve jantar comemorativo para a Associação Cultural & Artística Famalicão Fado assinalar o seu terceiro aniversário.

A festa teve Fado nas vozes de Joaquim Macedo, Sara Sousa, Mónica Jarimba, Lurdes Silva, Júlio Pereira, João Aranha, Elizabete Tecas, Maria José, Humberto Capelo e, ainda os convidados, Diogo Aranha e Patrícia Costa. O acompanhamento musical foi de Pedro Martins, na guitarra portuguesa; Costa Pereira e José Cunha, na viola de fado; Filipe Fernandes, no contrabaixo.

Foram entregues lembranças alusivas, cantados os parabéns e cortado o bolo de aniversário, na presença dos diretores e de Mário Passos, presidente da Câmara Municipal de V. N. Famalicão, que se regozijou por o concelho ter uma associação que promove e ensina Fado. Também presentes, Estela Veloso, presidente da União de Freguesias de Famalicão e Calendário, onde a associação está sediada e António Gomes, presidente da União de Freguesias de Avidos e Lagoa, onde está localizado o Espaço Acafado.

 

 

Associação de Dadores de Famalicão realiza colheita de sangue em Rebordões

No próximo domingo, a Associação de Dadores de Sangue de V. N. de Famalicão promove uma colheita no Pavilhão Gimnodesportivo de Rebordões – Santo Tirso, com o apoio do Grupo Afrikan Runners e do Agrupamento do CNE nº339.

Aberta à população em geral, a colheita decorre entre as 09h00 e as 12h30 pelo Instituto Português do Sangue e da Transplantação.

Famalicão: Joaquim Silva vence 2.º Open de Damas António Dâmaso

Joaquim Silva, do CCD São João da Madeira, foi o grande vencedor do 2º Open de Damas António Dâmaso “O eterno amigo”, que decorreu no passado sábado. A prova, organizada pela Casa do Povo de Lousado, teve a participação de 60 damistas e fez parte das competições do circuito nacional da Federação Portuguesa de Damas. Por equipas, triunfou o CCD S.J. da Madeira.

A cerimónia de entrega de troféus teve a presença dos filhos de António Dâmaso e, em representação do vereador do Desporto da Câmara Municipal de Famalicão, esteve Luís Teixeira, e, ainda, o presidente da Junta de Freguesia de Lousado, Jorge Ferreira.

Todos os damistas tiveram um prémio de participação e. após a entrega dos troféus, seguiu-se um jantar/convívio.

Na foto, da esquerda para a direita: José Mesquita (Casa do Povo), Joaquim Silva (vencedor), Graça Couto (filha António Dâmaso), Luís Teixeira (CMVNF) e Jorge Ferreira (presidente da Junta)

Famalicão: Ballas Júnior foi segundo em Paços de Ferreira

Paulo Ballas Júnior foi segundo classificado na segunda prova do Campeonato Nacional de Trial que decorreu, este domingo, em Paços de Ferreira. A etapa ficou marcada pela chuva do dia anterior e pelas zonas muito longas que criaram dificuldades ao jovem piloto famalicense.

Numa análise à prova, Ballas Júnior considerou que «temos que continuar a trabalhar para chegar aos objetivos pretendidos». Elogiou, ainda, a presença do muito público que ajudou «a colorir o dia».

Famalicão: Marlene Azevedo vence no Trail ACURA

No Trail da ACURA, Marlene Azevedo, da AD Active Running, foi a primeira a cortar a meta, vencendo, também, no escalão F40. O atleta Augusto venceu em M50 e Jorge Pereira foi terceiro em M30. Francisco Morais e Paulo Gomes também participaram nesta prova, contribuindo para o segundo lugar coletivo.

A equipa famalicense esteve, ainda, presente na Meia Maratona do Douro Vinhateiro, com Dani Vieira e Vítor Ferreira.

Famalicão: EARO com bons resultados no regional sub-14 e na Vitalis Kids

A Escola Atletismo Rosa Oliveira participou, este fim de semana, no Campeonato Regional de sub-14, na Pista Ar Livre no Estádio 1º Maio em Braga.

Pela equipa joanense destacou-se Tomás Ramos que conquistou o título regional nos 600 metros e foi vice-campeão nos 1000 com recorde pessoal.

Também com excelentes resultados estiveram, Matilde Cunha, sub-vice campeã nos 1000 metros e Luís Neto, atleta sub-12, que se sagrou vice-campeão nos 600 metros.

Ainda participaram, com bons resultados e alguns recordes pessoais, os seguintes atletas: Mafalda Ferreira, Margarida Barbosa, Leonor Ferreira, Leonor Rodrigues, Lara Rodrigues, Henrique Silva e Hugo Vaz.

Ainda no domingo, a EARO participou na Cidade do Porto na Corrida Vitalis Kids na qual todos atletas obtiveram excelentes resultados.

Maria Machado venceu em juvenis, Ana Soares foi terceira e Gonçalo Rodrigues venceu em masculinos. A equipa juvenil feminina venceu coletivamente.

Participaram, ainda, Dinis Abreu,Miguel Pereira,Ana Silva, Inês Castro e Dinis Neves.