Famalicense João Pinheiro volta a ser o melhor árbitro português na época 2021/22

Presente em 35 jogos oficiais, incluindo 20 da I Liga portuguesa, quatro da Taça de Portugal e a Supertaça, em que o Sporting derrotou o Sporting de Braga (2-1), o ‘juiz’, de 34 anos, concluiu a época com a nota final de 9,385, atribuída pela secção de classificações do CA da FPF.

O internacional de Vila Nova de Famalicão encabeça a tabela da categoria principal de árbitros masculinos (C1), em que Nuno Almeida, da Associação de Futebol do Algarve, e o internacional Artur Soares Dias, da Associação de Futebol do Porto, completaram o pódio.

Os dois árbitros mantiveram as posições face à temporada 2020/21, com o portuense Artur Soares Dias a ser segundo com 9,318, enquanto o algarvio Nuno Almeida foi terceiro, com uma nota de 9,326.

O CA revelou ainda que o árbitro Bruno Costa, da Associação de Futebol de Viana do Castelo, foi o primeiro classificado da segunda categoria profissional e subiu à categoria principal, tal como Ricardo Baixinho, segundo classificado, e Carlos Macedo, terceiro.

O órgão da FPF avançou também que o número de árbitros na primeira categoria sobe de 20 para 21 na época 2022/23, conhecendo-se os ‘nomes’ que descem à segunda categoria no início de julho.

O árbitro Luciano Maia foi o primeiro classificado na categoria principal de árbitros assistentes masculinos, enquanto a internacional Sandra Bastos foi considerada a melhor árbitra na categoria feminina, informou ainda o CA da FPF.

Tem Covid-19 ? Isolamento e baixa médica deixam de existir a partir deste sábado

Com o fim do estado de alerta, os doente infetados por Covid-19 vão deixar de ter a obrigatoriedade de se manterem isolados, podendo contactar livremente com a restante população.

A baixa médica por infeção do novo coronavírus termina, assim sendo, se testar positivo e não apresentar sintomas graves poderá continuar a apresentar-se ao trabalho.

As autoridades de saúde acreditam que, com estas medidas, o número de casos volte a subir mas entende que este é o momento certo para “baixar a guarda” e dar um tratamento mais ligeiro à doença.

Diretor Desportivo do F.C.Famalicão Feminino alvo de denúncias por assédio sexual

Samuel Costa, diretor desportivo da equipa feminina do Futebol Clube de Famalicão, também foi alvo de denuncias por assédio sexual, a informação é avançada pelo Sindicado dos Jogadores.

De acordo com aquela organização, Samuel Costa terá sido denunciado pelo mesmo grupo de jogadoras que acusaram Miguel Afonso, relatando situações que ocorreram na época desportiva 2020/2021, quando representava outros clubes que não o Futebol Clube de Famalicão.

Em declarações à SIC Notícias, Samuel Costa negou todas as acusações. O sindicado que representa as atletas adianta que o processo já está a ser investigado pelas autoridades, afirmando estar disponível para lhes dar todo o apoio possível, nomeadamente ao nível psicológico e jurídico.

 

Famalicão: Treinador Miguel Afonso suspenso de funções

Em comunicado emitido ao final da manhã desta sexta-feira, o Futebol Clube Famalicão anuncia a suspensão de funções do treinador Miguel Afonso, com efeitos imediatos. Uma decisão tomada por «mútuo acordo».

O técnico Renato Lobo e restante equipa técnica asseguram a condução do plantel de forma interina «até que a verdade dos factos seja apurada».

Recorde-se que o treinador da equipa feminina, é alvo de denúncias de assédio sexual a atletas do Rio Ave, equipa que treinou na época 2020/21.

Leia o comunicado:

«O Futebol Clube Famalicão com o interesse máximo de salvaguardar os seus valores, as suas pessoas e o seu emblema, vem comunicar, face aos acontecimentos ocorridos no dia de ontem, a suspensão de funções, por mútuo acordo e com efeitos imediatos, do treinador Miguel Afonso até que a verdade dos factos seja apurada.

De momento, assumirá as funções de treinador principal, de forma interina, o técnico Renato Lobo e restante equipa técnica.

O FC Famalicão renova que não se revê em nenhuma atitude de teor abusivo ou de desigualdade de género, seguindo o seu caminho assente nos valores em que acredita e com o objetivo único de dignificar cada vez mais este emblema.

Mais uma vez, o FC Famalicão manifesta total disponibilidade a todas as partes envolvidas e às entidades competentes para coadjuvar no alcance da verdade».

Famalicão: Jornal i revela relatos de abuso de menores por parte de antigo padre de Joane

O Jornal i desta sexta-feira faz manchete com os relatos de abusos sexuais de menores na vila de Joane, em Famalicão.

De acordo a publicação, e após uma reportagem do Nascer do Sol neste mês de setembro, várias pessoas utilizaram as redes sociais para denunciar episódios de abusos, que terão sido levados a cabo pelo padre Fernando Sousa e Silva ao longo de décadas.

A investigação do jornal refere que os crimes, que terão ocorrido no confessionário, chegaram a ser denunciados ao arcebispo de Braga, D. Jorge Ortiga, entre 1999 e 2002.

Alguns dos relatos já foram comunicados à Comissão Independente para o Estudo dos Abusos de Menores na Igreja, criada pela Conferência Episcopal Portuguesa.

Famalicão: Despiste de mota faz um ferido na N206 em Gondifelos

Uma pessoa ficou ferido na sequência do despiste de mota onde seguia, em plena N206, na freguesia de Gondifelos, em Vila Nova de Famalicão.

O acidente, na Avenida de São Felix, deu-se por volta das 08h00.

Para o socorro foram acionados os Bombeiros Voluntários Famalicenses que assistiram a vítima e asseguraram o transporte para a unidade de Vila Nova de Famalicão do Centro Hospitalar do Médio Ave.

Ao que nos foi possível apurar, o motociclista sofreu ferimentos.