FC Famalicão tem a segunda melhor taxa média de ocupação da primeira liga

O Estádio Municipal carece de condições para albergar devidamente sócios e adeptos do FC Famalicão, mas apesar desta contingência, o clube é o que apresenta a segunda melhor média de ocupação nos jogos já realizados na primeira liga.

Segundo uma estatística da Liga Portugal, o emblema famalicense apresenta uma taxa média de ocupação de 53,82%, só superado pelo FC Porto, com 54.80% , e à frente do Benfica, com 47.81%.

Com 13 jornadas já disputadas em casa, enquanto outros emblemas já apresentam 14, o Famalicão tem uma média de espetadores por partida de 2.832 (é o décimo neste capítulo), quando no estádio a lotação está balizada em 5.200, sendo que a maior bancada é descoberta. No acumulado dos jogos já disputados em casa, 36.812 pessoas já se deslocaram, esta época, ao Municipal.

Estes números atestam a paixão que os adeptos famalicenses têm pelo seu clube e pelo futebol, correndo ao estádio para o apoiar, várias vezes com condições climatéricas adversas.

Recorde-se que, no passado sábado, o presidente da SAD, em declarações exclusivas a CIDADE HOJE dava conta desta falta de condições, mas notando que, mesmo assim, os adeptos dizem sempre presente. Miguel Ribeiro pedia, então, um novo estádio, «à dimensão do clube, dos sócios e do concelho». Este repto teve eco no Município, que em nota enviada à redação apontava para breve a apresentação de uma solução para a falta de condições no Estádio Municipal que, em finais de 2018, viu ser apresentado um projeto de remodelação. Tratava-se de um investimento de 8 milhões de euros, mas ao concurso lançado pela Câmara Municipal não houve interessados.

Atropelamento mortal em Famalicão: Condutor não se entregou e ainda está por localizar

Está ainda por localizar o condutor que, na madrugada desta sexta-feira, atropelou mortalmente uma jovem, em plena Avenida Marechal Humberto Delgado, no centro de Vila Nova de Famalicão.

Fonte ligada ao processo disse à nossa redação que o condutor não se entregou em nenhum posto/esquadra da localidade, sendo que as diligências para o encontrar prosseguem.

Se avistou algum veículo suspeito que, por volta da meia-noite, circulava na Avenida Marechal Humberto Delgado a alta velocidade, no sentido sul-norte, entre em contacto com as autoridades locais.

Famalicão: Semana começa com trânsito condicionado na rua da Estação

De segunda a quarta-feira da próxima semana, a circulação automóvel na Rua da Estação (zona do viaduto) estará condicionada em virtude dos trabalhos de conclusão do passeio partilhado com a ciclovia.

Durante os trabalhos, a circulação automóvel será feita com recurso a semáforos, durante o período diurno e noturno.

Famalicão: Fuga de gás no centro da cidade resolvida e sem feridos

Já foi resolvida a fuga de gás que se registou, na tarde desta sexta-feira, no centro da cidade de Vila Nova de Famalicão.

O incidente registou-se num edifício em obras, em plena Rua Direita.

No local os Bombeiros Voluntários Famalicão e Famalicenses deram resposta à situação e a equipa da portgás conseguiu conter e reparar a fuga.

Não há registo de feridos.

Empresa da Póvoa de Varzim muda-se para Famalicão, cria postos de trabalho e investe 7 milhões de euros

A Steeltrax é uma empresa da Póvoa de Varzim que se vai mudar para Vilarinho das Cambas. Dedicada ao fabrico de estruturas e perfis metálicos especificamente direcionados ao mercado das energias renováveis, deverá estar pronta a funcionar em março do próximo ano. A nova unidade, com cerca de 6000 m2 e um investimento superior a 7 milhões de euros, será também a nova sede social da empresa.

Segundo os responsáveis da empresa, a mudança de concelho deve-se à necessidade de aumentar a produção, a uma melhor logística, além dos acessos privilegiados para a exportação.

A construção da nova unidade prevê a criação de 11 novos postos de trabalho “altamente qualificados”, para dar resposta à pretensão da empresa de «apostar fortemente na investigação e desenvolvimento (I&D), assim como na relação de proximidade com universidades e institutos de investigação científica, para potenciar o conhecimento e desenvolvimento de produto».

De referir que a instalação desta empresa no concelho famalicense vai contar com o apoio da Câmara Municipal, através do programa Made 2IN, que apoia a captação e fixação de empresas no concelho, com redução das taxas de licenciamento e de construção.

«A dimensão do Created IN Famalicão também é materializada com a atração de empresas com este perfil de abertura para a investigação e desenvolvimento de novos produtos, para o nosso território. Daí a manifestação de interesse municipal deste investimento», justifica o presidente da Câmara Municipal, Mário Passos.

Na Reunião de Câmara do dia 26 de janeiro, foi aprovada a abertura do período de candidaturas ao Programa Municipal de Apoio Financeiro a Bolsas de Investigação, uma medida de promoção da inovação empresarial por via do desenvolvimento de atividades de Investigação e Inovação (I&I) e a sua transferência para a indústria do concelho, que prevê a atribuição de cinco prémios a bolsas de investigação no valor de 5.000€ cada uma.

 

 

Famalicão: Bombeiros alertados para fuga de gás na Rua Direita

Os bombeiros foram, na tarde desta sexta-feira, alertados para uma fuga de gás, em plena Rua Direita.

O alerta chegou à corporação dos B.V.Famalicenses e Famalicão cerca das 14h30 e os meios já se encontram no local.

As primeiras informações dão conta que o problema foi detetado num prédio em obras.

Os serviços da portgás já se encontram no local.

Famalicão: Colisão entre duas viaturas em Gavião

Ao início da tarde desta sexta-feira registou-se uma colisão entre duas viaturas, na Rua 20 de Junho, em Gavião, Famalicão.

Deste sinistro não há registo de feridos, apenas danos materiais.

A PSP foi acionada para o local.