Gala dos Troféus Desportivos “O Minhoto” em Esposende

A XXVI edição dos Troféus Desportivos “O Minhoto” decorre no dia 11 de dezembro, com início às 21 horas, em Esposende, nomeadamente no Pavilhão Municipal de Fão.

Os troféus desportivos “O Minhoto” são promovidos pela Associação de Valorização e Divulgação Regional “A Nossa Terra”, que atribui 28 troféus, de entre 86 nomeados. Distingue praticantes, dirigentes, treinadores, árbitros e clubes, das diversas modalidades, «num reconhecimento do mérito de todos os que dão de si em prol do todo, de quem se dedica à prática desportiva e alcança resultados dignos de destaque», referiu José Ferreira, da organização.

José Ferreira destacou o facto de 98,5% dos premiados terem o estatuto de internacionais em representação de Portugal e/ou campeões nacionais, comprovando dessa forma a enorme qualidade dos praticantes nas diversas modalidades. “O Minhoto” abrange os distritos de Braga e Viana do Castelo, com um universo superior a 40 mil praticantes de diferentes modalidades. A escolha decorre da votação de um júri, composto por elementos de órgãos da comunicação social regional e nacional, além de personalidades e representantes de entidades ligadas ao desporto.
A Gala irá ainda distinguir e homenagear 17 atletas que se sagraram Campeões da Europa ou do Mundo no ano de 2023.

Na gala do dia 11 de dezembro, que contará com a presença de cerca de 500 convidados, será também distribuída a revista oficial do evento, que serve como anuário do desporto minhoto, retratando a realidade desportiva de cada concelho, desde atletas de referência, dirigentes e os clubes mais relevantes do fenómeno desportivo da região.

«Será um momento de exaltação dos atletas do Minho, complementando a Gala de Mérito Desportivo que o Município de Esposende promove dois dias antes (9 de dezembro) e antecedendo a homenagem que temos agendada para 5 de fevereiro, ao grande campeão Paulo Gonçalves», destacou o presidente da Câmara Municipal de Esposende, Benjamim Pereira.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Famalicão: Convívio Sénior de Verão em Ribeirão

A Junta de Freguesia de Ribeirão vai realizar um Convívio Sénior de Verão, iniciativa inserida nas comemorações da Festa da Vila, no dia 5 de julho, em frente às piscinas, no recinto das barraquinhas.

As inscrições já estão abertas e destinam-se a pessoas a partir dos 65 anos e aos reformados. Para tal, devem fornecer o nome, a morada e data de nascimento até ao dia 28 junho, na sede da Junta de Freguesia.

Do programa deste convívio já se sabe que será animado pelo grupo de Cavaquinhos do CCD Ribeirão.

Foto: Paulo Pereira

Famalicão: Assinado contrato para comprar e reabilitar habitações em cinco freguesias

Esta quarta-feira, na CCDR Norte, o presidente da Câmara Municipal, Mário Passos, assinou o contrato de financiamento do Plano de Recuperação e Resiliência, de 20 milhões de euros, para a aquisição e reabilitação de 86 habitações.

Estes fogos habitacionais situam-se em Delães, Fradelos, Gondifelos, Castelões e Oliveira São Mateus.

Recorde-se que o Município de Famalicão prevê investir cerca de 50 milhões de euros na aquisição de mais de 300 novas frações habitacionais com o apoio do PRR.

A cerimónia desta quarta-feira foi presidida pelo Ministro das Infraestruturas e Habitação, Miguel Pinto Luz, acompanhado pelo Ministro Adjunto e da Coesão Territorial, Manuel Castro Almeida.

Foto CCDR Norte

Famalicão acorda para o último dia das Antoninas após noite apoteótica

Depois da memorável noite/madrugada, com o desfile e exibição das 10 marchas, que consagrou a ARCA como a grande vencedora, num espetáculo presenciado por milhares de pessoas, as festas do concelho terminam esta quinta-feira, feriado municipal.

O último dia das Festas Antoninas tem um programa religioso muito forte: às 10h30, na Praça D. Maria II, celebra-se a missa solene em honra de Santo António, que será presidida por D. José Cordeiro, arcebispo de Braga. Após a missa tem lugar a distribuição do pão de Santo António, uma tradição que se repete todo os anos e que está prevista para as 12 horas.

Na parte da tarde, por volta das 14h30, música filarmónica ao despique, na Praça D. Maria II entre a Banda de Música de Famalicão e a Banda de Música de Riba de Ave. Por volta das 17 horas, sai a procissão solene em honra de Santo António, com início junto à Capela de Santo António, na Rua Alves Roçadas, e percurso por várias ruas da cidade. Por volta das 17h45, será descerrada uma placa comemorativa dos 100 anos da Capela de Santo António.

Fora do programa religioso, às 18h30, na Praça D. Maria II, serão entregues os prémios das Marchas Antoninas. As festas terminam no Parque da Devesa: pelas 22 horas atua Buba Espinho; às 24 horas, junto à Praça da Cidadania, será projetada uma sessão de fogo de artifício – sessão piromusical.

Famalicão: Feriado Municipal com missa, pão de St.º António, procissão e Buba Espinho

O último dia das Festas Antoninas tem um programa religioso muito forte. Esta quinta-feira, feriado municipal, às 10h30, na Praça D. Maria II, celebra-se a missa solene em honra de Santo António, que será presidida por D. José Cordeiro, arcebispo de Braga. Após a missa tem lugar a distribuição do pão de Santo António, uma tradição que se repete todo os anos e que está prevista para as 12 horas.

Na parte da tarde, por volta das 14h30, música filarmónica ao despique, na Praça D. Maria II entre a Banda de Música de Famalicão e a Banda de Música de Riba de Ave. Por volta das 17 horas, sai a procissão solene em honra de Santo António, com início junto à Capela de Santo António, na Rua Alves Roçadas, e percurso por várias ruas da cidade. Por volta das 17h45, será descerrada uma placa comemorativa dos 100 anos da Capela de Santo António.

Fora do programa religioso, às 18h30, na Praça D. Maria II, serão entregues os prémios das Marchas Antoninas. As festas terminam no Parque da Devesa: pelas 22 horas atua Buba Espinho; às 24 horas, junto à Praça da Cidadania, será projetada uma sessão de fogo de artifício – sessão piromusical.

Famalicão: Festival Internacional Vaudeville Rendez-Vous volta a invadir o centro urbano

A décima edição do Vaudeville Rendez-Vous, festival de circo contemporâneo que toma conta das ruas e praças das quatro cidades do Quadrilátero Cultural, incluindo VN Famalicão, é apresentada na próxima quarta-feira, às 15 horas, na Casa das Artes.

Este festival internacional, que apresenta uma vasta diversidade artística composta por espetáculos, oficinas de formação, e um programa paralelo dedicado a artistas, estudantes e agentes culturais, é uma iniciativa do Teatro da Didascália, com o apoio dos municípios de Barcelos, Braga, Guimarães e Vila Nova de Famalicão e decorrerá de 16 a 20 de julho.

Na conferência de imprensa será desvendada toda a programação desta iniciativa que nasceu pela mão do Teatro da Didascália, de Joane.

O festival promove, desde 2014, as múltiplas facetas do circo contemporâneo, confrontando o público com o desconhecido e apelando à curiosidade e ao espírito crítico de uma audiência mais abrangente. Refira-se que o Teatro da Didascália – cooperativa cultural fundada em 2008 – integra várias redes internacionais, acompanhando o processo de seleção de artistas nacionais e internacionais da plataforma Circusnext e do projeto de cooperação europeu CircusLink.

Foto arquivo

Famalicão: Tribunal liberta arguido por ter dúvidas quanto ao autor da morte do empresário do Matriz

O jovem acusado de matar à facada o empresário do Bar Matriz Caffé foi absolvido, esta quarta-feira, pelo Tribunal de Guimarães, por ter «dúvidas» quanto ao autor do homicídio. A juíza presidente do coletivo de juízes justificou que não foi «ultrapassada, infelizmente, a dúvida razoável» quanto ao autor do homicídio e que a decisão se regeu por elementos «racionais e objetivos» aplicando o princípio de que “na dúvida, absolve-se”.

Por isso, foi determinada a sua libertação imediata (estava em prisão preventiva).

O outro arguido, primo do jovem absolvido, foi condenado a uma pena efetiva de quatro anos por homicídio tentado e por ofensas à integridade física, crimes praticados contra o gerente do bar Matriz Caffé, em Famalicão. Por isso, vai permanecer na prisão.

A presidente do coletivo de juízes admitiu, no âmbito do homicídio do empresário, a abertura de uma nova investigação para que se possa recolher “outras provas” relativas ao homicídio.

Inicialmente, a acusação do Ministério Público (MP) atribuía a morte do empresário aos dois primos, mas, na fase de instrução, um juiz de instrução criminal determinou que um fosse a julgamento por homicídio qualificado do empresário (o que foi hoje absolvido), e o outro pelo homicídio tentado e agressões corporais contra o gerente do bar, em Vila Nova de Famalicão.

Segundo o despacho de pronúncia, o arguido que afirmou ser inocente estava acusado do homicídio do empresário, e o que optou pelo silêncio respondia por homicídio tentado, por atingir o gerente do bar, por detenção de arma proibida e por ofensas à integridade física.

Recorde-se que os crimes aconteceram na noite de 12 de fevereiro de 2023, quando o grupo dos arguidos (com as namoradas) se envolveu numa discussão com outro grupo no interior do bar, o que levou à intervenção do segurança e os arguidos foram expulsos. Foi já no exterior que se deram as agressões. O gerente do bar foi atingido nas costas com uma faca, que lhe causou ferimentos graves, e o empresário foi atingido com duas facadas no peito, que lhe provocaram a morte.