Hospital de Famalicão com vários serviços encerrados devido a greve com “adesão a 100%”

Vários utentes do Hospital de Famalicão foram surpreendidos esta terça-feira com o encerramento de serviços devido à greve dos técnicos de diagnóstico e terapêutica. O protesto contou com uma “adesão a 100%”, segundo dados do sindicato avançados à Cidade Hoje.

Embora os serviços mínimos estivessem assegurados, a greve teve um impacto significativo no funcionamento do hospital.

Sindicato dos Técnicos Superiores de Saúde

Os técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica do Médio Ave, continuam em greve esta quarta-feira, acusam o hospital de estar em falta no que toca à progressão das carreiras. Afirmam ainda que estão a ser discriminados e penalizados em comparação com outros profissionais.

A greve foi convocada pelo Sindicato dos Técnicos Superiores de Saúde (STSS) e pelo Sindicato dos Técnicos Superiores de Diagnóstico e Terapêutica (SINDITE). Teve início às 8h00 de terça-feira e termina às 12h00 de quarta-feira. Está prevista uma concentração de protesto dos técnicos de diagnóstico à porta do hospital na manhã desta quarta-feira.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Associação de Dadores de Famalicão realiza colheita de sangue em Rebordões

No próximo domingo, a Associação de Dadores de Sangue de V. N. de Famalicão promove uma colheita no Pavilhão Gimnodesportivo de Rebordões – Santo Tirso, com o apoio do Grupo Afrikan Runners e do Agrupamento do CNE nº339.

Aberta à população em geral, a colheita decorre entre as 09h00 e as 12h30 pelo Instituto Português do Sangue e da Transplantação.

Famalicão: Colheita de sangue em Joane

No dia 26 de maio, a Associação de Dadores de Sangue de V. N. de Famalicão promove uma colheita na Escola Padre Benjamim Salgado, de Joane, com o apoio da paróquia e do Agrupamento de Escuteiros nº 184 e Centro Social desta localidade.

A colheita, aberta à população em geral, será realizada entre as 09h00 e as 12h30, pelo Instituto Português do Sangue e da Transplantação.

Famalicão: Rastreios, demonstrações de suporte básico de vida e primeiros socorros no Mercado da Saúde

A próxima edição do Mercado Urbano “Vai à Vila” é sobre a saúde e o bem-estar físico e mental. Realiza-se esta quarta e quinta-feira, dias 15 e 16 de maio, na Praça D. Maria II.

Destaque para a realização de rastreios, demonstrações de suporte básico de vida e primeiros socorros, aulas de pilates e zumba e um showcooking de lanches saudáveis.

A iniciativa contará com a presença de entidades como a CESPU, CIOR, Farmácia Calendário, Farmácia da Devesa, Jorge Oculista, Farpex, Widex, Associação de Dadores de Sangue, U.C.C.- D. Maria II, Bombeiros Voluntários Famalicão, Bombeiros Voluntários Famalicenses, Bombeiros Voluntários de Riba D’Ave, Cruz Vermelha Portuguesa – Núcleo de Ribeirão, Farmácia Central e Farmácia Barbosa.

O mercado vai funcionar das 10h00 às 12h30 e das 14h00 às 16h00.

Programa completo e horários em www.famalicao.pt

Famalicão: Alunos da CIOR partilham competências no Mercado da Saúde

Alunos do curso Técnico Auxiliar de Farmácia, da Escola Profissional CIOR, participam na organização e dinamização da 3ª edição do Mercado da Saúde, promovido pela Câmara Municipal, através do pelouro da Saúde. O evento decorre esta quarta e quinta-feira, no centro urbano de Famalicão, no âmbito da iniciativa “Vai à Vila”, mercados urbanos.

O horário de funcionamento deste evento será das 10h-12h30 e das 14h-16h durante ambos os dias.

À semelhança das edições anteriores e numa prática de parceria envolvendo várias entidades, os alunos, em particular os finalistas, vão partilhar as suas competências técnicas e, simultaneamente, contribuir, para a promoção da saúde individual e comunitária dos famalicenses, conforme assegurou o diretor de curso Arcélio Sampaio. Este responsável sublinha que o Mercado da Saúde «é um momento e um espaço onde, de forma colaborativa, se juntam iniciativas e atividades de natureza preventiva e de controlo da saúde e bem-estar, através de rastreios e ações de formação, informação e de sensibilização à comunidade em geral».

Um grupo destes alunos aproveitará o evento para a abordagem de diferentes aspetos relacionados com a sua Prova de Aptidão Profissional, desenvolvida numa prática e metodologia de trabalho projeto.

Estarão presentes neste evento farmácias parceiras da CIOR, como a Farmácia do Calendário, Farmácia da Devesa, Farmácia Barbosa e Farmácia Central, bem como a Escola Superior de Saúde do Vale do Ave, parceira estratégica do curso. Estarão, também, as três corporações de bombeiros voluntários do concelho e a Cruz Vermelha de Ribeirão. Assegurada, ainda, a participação da Associação de Dadores de Sangue de Vila Nova de Famalicão, do grupo Jorge Oculista, da Widex, da Farpex-Enfermeiros Unidos e da UCC D. Maria II.

Na nota de imprensa, a CIOR destaca que curso Técnico Auxiliar de Farmácia apresenta uma elevada taxa de empregabilidade e um número significativo de alunos opta pelo prosseguimento de estudos superiores.

Famalicão: Dádiva de Sangue em S. Miguel-o-Anjo

Na manhã do próximo domingo, a Associação de Dadores de Sangue de V. N. de Famalicão promove uma colheita no Centro Social de S. Miguel-o-Anjo, na freguesia de Calendário, com o apoio da Associação Moradores da Lage, Barreiros e S. Miguel e do Grupo de Jovens desta localidade.

A colheita decorre entre as 9h00 e as 12h30 pelo Instituto Português do Sangue e do Transplantação.

Famalicão: Dádiva de Sangue em S. Miguel-o-Anjo

No próximo domingo, a Associação de Dadores de Sangue de V. N. de Famalicão promove uma colheita no Centro Social de S. Miguel-o-Anjo, em Calendário, com o apoio da Associação Moradores da Lage, Barreiros e S. Miguel e o Grupo de Jovens desta localidade.

A colheita decorre entre as 09h00 e as 12h30 pelo Instituto Português do Sangue e do Transplantação.