Pioneiros do stand-up na quinta edição do “Santo Tirso a Rir”

O “Santo Tirso a Rir” está de regresso à Fábrica de Santo Thyrso. Dia 7 de abril, pelas 21h30, os pioneiros do stand-up comedy em Portugal, Aldo Lima, Óscar Branco e Rui Xará entram em palco para um espetáculo que promete momentos de humor inesperados e um sem número de gargalhadas.

A quinta edição do “Santo Tirso a Rir” chega dia 7 de abril à Fábrica de Santo Thyrso. A partir das 21h30, Aldo Lima, Óscar Branco e Rui Xará sobem a palco para um espetáculo de comédia que promete surpreender.

Natural de Ílhavo, Aldo Lima é um dos pioneiros do stand-up comedy em Portugal. Nos anos 90, e antes da sua cara se tornar conhecida através de três campanhas de uma operadora de comunicações móveis, já tentava explicar a gerentes de espaços noturnos que lhe era possível subir a palco sozinho e, sem contar anedotas, divertir qualquer plateia. A tarefa ficou facilitada com o aparecimento do programa da SIC “Levanta-te e Ri”, tendo a sua primeira atuação “Tourada à Portuguesa”, plena de momentos inesquecíveis, marcado o programa e lançado a sua carreira de humorista.

Em 2006, foi coautor, com João Quadros, da série da RTP “Palavras para quê”, que também protagonizou e, em dezembro do mesmo ano, teve direito a um especial stand-up intitulado “Aldo Lima – Pior que Estragado”. Cáustico e inteligente, possuidor de uma expressão corporal única, Aldo Lima permanece como um dos grandes comediantes nacionais.

Já Óscar Branco chegou a estudar engenharia, mas o seu amor ao teatro falou mais alto. Trocou de curso e abraçou a formação de atores, pisando depois palcos como o do Teatro Nacional São João. O seu registo de comédia, descobriu-o num bar em Leça em 1983, onde teve de atuar inesperadamente de improviso: quando reparou, estava em palco a contar piadas. Depois dessa noite, foram surgindo as oportunidades de contagiar outras plateias com o seu humor, nomeadamente através da sua participação em programas de televisão.

Considerado um pioneiro nesta área em Portugal, Óscar Branco anda há mais de 25 anos a fazer espetáculos de stand-up. Figura do norte por excelência, Óscar Branco é reconhecido à distância pela sua “competência”. Da política ao desporto, do terrorismo ao jet 7, do WC inteligente à falta de inteligência dos que vão ao WC, nos espetáculos de Óscar Branco ninguém está a salvo.

Rui Xará é outro dos pioneiros de stand up em Portugal e um dos mais prolíferos comediantes do país, com mais de duas mil atuações em 18 anos de carreira e várias participações em programas de televisão e rádio. Em janeiro de 2016, esgotou o Teatro Sá da Bandeira naquele que foi o primeiro grande roast público em Portugal (evento de comédia onde um indivíduo é alvo de piadas, insultos, elogios e histórias), tendo para isso conseguido juntar 17 comediantes em palco para o “assarem” nos seus 17 anos de carreira.

Nas palavras do seu amigo Rui Sinel de Cordes, Rui Xará “é o mais conhecido dos (comediantes) não famosos” e apesar de adorar a stand-up comedy, tem já vários trabalhos feitos e reconhecidos noutras áreas do humor, sendo, frequentemente, convidado como prefaciador e apresentador de livros humorísticos.

O espetáculo do “Santo Tirso a Rir” destina-se a maiores de 16 anos. Os bilhetes têm o valor de dois euros e podem ser adquiridos na Loja Interativa de Turismo, na Biblioteca Municipal e no Centro Cultural Municipal de Vila das Aves.

David Carreira atua na final da Taça de Portugal

A Federação Portuguesa de Futebol anunciou que David Carreira e Nenny vão atuar ao vivo na cerimónia de abertura (17 horas) da grande final da prova rainha.

Ao intervalo, um grupo de crianças, da academia Dance4Kids, continuará a animar os presentes no Jamor, com um espetáculo de dança.

A final disputa-se entre as equipas femininas do Sporting e Famalicão, partida agendada para as 17h15, do próximo sábado, no Estádio Nacional do Jamor.

FC Famalicão quer “o melhor jogador da Liga 3”

O presidente da SAD do Famalicão assume claro interesse em Théo Fonseca, avançado de 21 anos que se destacou ao serviço do Felgueiras.

Em entrevista ao Canal 11, na noite desta terça-feira, Miguel Ribeiro considerou que o jovem jogador é “um dos melhores da Liga 3, para mim o melhor. Ainda não assinou, mas está encaminhado. Mas se ele não vier é porque não quer vir. Da nossa parte está completamente assumido».

Théo Fonseca terminou a época com 15 golos em 28 jogos pelo Felgueiras

Famalicão: Festival de Vídeo Ecológico recebeu 300 candidaturas

Depois de dois anos sem realizar a grande gala em formato presencial, o Bgreen – Ecological Film Festival (festival de vídeo ecológico) regressa a Famalicão a gala internacional, marcada para o dia 9 de junho, pelas 21h30, no anfiteatro ao ar livre do Parque da Devesa, onde serão entregues os prémios e exibidos os vídeos vencedores.

Nesta 11.ª edição do festival, que incide sobre a mobilização dos jovens para as causas ambientais, foram recebidas perto de 300 candidaturas provenientes de escolas de todo o mundo. A lista de finalistas é composta por cerca de 30 vídeos oriundos de Portugal, Espanha, Noruega, Colômbia e Chile. Além de outros premiados, o vencedor tem direito a uma viagem Eco-Aventura aos Açores.

Na apresentação oficial do evento, esta terça-feira, dia 24 de maio, nas instalações da OFICINA – Escola Profissional do INA, estiveram presentes o vereador da Educação e Ciência do município de Famalicão, Augusto Lima, acompanhado pelo diretor pedagógico da OFICINA, Miguel Sá Carneiro.

O responsável pela pasta da educação na Câmara de Famalicão realça que «este festival envolve três fatores importantes: a sustentabilidade e os desafios que envolve, (…) a internacionalização, algo que nos toca bastante como concelho aberto ao mundo (…) e a componente tecnológica e audiovisual, que condiz com as práticas atuais dos nossos jovens».

O diretor pedagógico da OFICINA disse que «mais que um festival de vídeo, o Bgreen é fundamentalmente um projeto educativo que aprofunda a dimensão humana em torno da sustentabilidade e da lógica ecológica (…) procurando desenvolver esta sensibilidade nas camadas mais jovens de estudantes», exprime Miguel Sá Carneiro.

Refira-se que o Bgreen – Ecological Film Festival é um festival de vídeo dedicado a temas ligados à causa ambiental e à ecologia, destinado a estudantes com idades compreendidas entre os 13 e os 21 anos. É promovido e organizado pela OFICINA – Escola Profissional do INA desde 2011 e conta com o apoio, entre outras entidades, da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão.

 

Famalicão: Antoninas também são a festa do desporto

A Festa de Santo António também é sinónimo de desporto, com quase uma dezena de eventos, de diferentes modalidades. Um deles é o Grande Prémio de Atletismo Bernardino Machado, uma das provas populares mais acarinhadas pelos famalicenses, com partida e chegada na Rua Padre Benjamim Salgado, junto às escolas.

A prova, organizada pelo município em colaboração com a Associação de Atletismo de Braga, realiza-se na manhã do dia 12 de junho (10h00), e divide-se em dois segmentos: uma corrida de 10 quilómetros e uma caminhada de seis.

As inscrições já decorrem online em www.famalicaodesportivo.pt e www.aabraga.pt e são gratuitas até ao dia 9 de junho. Podem também ser efetuadas presencialmente até ao dia 8, nas piscinas municipais, na Casa da Cultura e no Gabinete do Famalicão em Forma. Às inscrições de última hora é aplicada uma taxa de 5 euros.

Poderão participar na prova atletas em representação de clubes, coletividades, organizações populares, empresas e individuais, federados ou não federados, no escalão de Juniores, Seniores e Veteranos (masculinos e femininos).

No final, serão entregues prémios de presença a todos os participantes, troféus para os três melhores classificados de cada escalão e género e ainda prémios por equipas às três primeiras equipas da geral.

Mas há mais desporto nas Antoninas para além do Grande Prémio de Atletismo. Este ano, contam-se perto de uma dezena de provas, entre elas, a Primavera Desportiva 2022 e a 7.ª Descida Mais Louca de Famalicão, no dia 10 de junho, o 29.º Raid Antoninas e a Taça de Portugal de Alex Ryu Jitsu, no dia 11, a Prova Columbófila das Antoninas, no dia 12, e as Antoninas Cup na Academia do Futebol Clube de Famalicão, no feriado de 13 de junho.

Programa completo das Festas Antoninas de Famalicão em www.famalicao.pt.

 

Famalicão: Noite do Conto e da Poesia em Lousado

A Casa do Povo de Lousado acolhe, esta sexta-feira, pelas 21h30 a “Noite do Conto e da Poesia” uma iniciativa do Departamento de Animação Sócio Cultural do Município de Famalicão, que acontece mensalmente numa localidade do concelho.

Esta sessão tem como tema “Lugares; o autor escolhido é Manuel António Pina; a animação musical é de André Ferreira e conta com a colaboração da Casa do Povo e apoio da Junta de Freguesia de Lousado. A entrada livre é limitada à lotação do espaço.