Homenagem aos columbófilos da Trofa

A Câmara Municipal da Trofa vai homenagear os columbófilos e as sociedades de columbofilia do concelho, na Gala de Encerramento do VII Campeonato Concelhio de Columbofilia, que se realiza este sábado, dia 8 de outubro, pelas 21h30, no Auditório do Fórum XXI. Participa a Orquestra Urbana da Trofa.

Para além das habituais distinções, este ano a Câmara Municipal da Trofa vai homenagear Jaime Azevedo (Sociedade Columbófila Trofense) e Daciano Magalhães (Sociedade Columbófila e Ornitológica do Coronado), por toda a dedicação, bem como pelas suas carreiras na área da columbofilia.

A cerimónia, para além das sociedades columbófilas do concelho, contará com a presença da Associação Columbófila do Distrito do Porto e da Federação Portuguesa de Columbofilia.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

CD Trofense elege novos órgãos sociais

A Comissão Administrativa do Clube Desportivo Trofense convoca os sócios para uma Assembleia Geral Ordinária, que terá lugar esta quarta-feira, 7 de dezembro, pelas 20:30h, na Junta de Freguesia de Bougado (São Martinho e Santiago), polo de S. Martinho.

Da ordem de trabalhos consta a eleição dos órgãos sociais para o biénio 2022/2024, ato que decorre até às 22 horas; segue-se a tomada de posse e, por último, a discussão de outros assuntos de interesse para o clube.

Só será permitida a participação de sócios do clube com as quotas em dia (inclusive a quota de dezembro de 2022); só poderão votar os sócios de idade igual ou superior a 15 anos e que tenham completado, pelo menos, três meses de associado.

Famalicão: Gala do Centenário da AF Braga premeia desporto famalicense

A Associação de Futebol de Braga reuniu, esta quarta-feira, cerca de 300 pessoas num jantar comemorativo, que assinalou o culminar do centenário da associação.
O jantar decorreu no Altice Fórum e o Município de Famalicão, clubes, atletas e árbitros do concelho foram homenageados.
A Câmara Municipal, representada pelo vereador do Desporto, Pedro Oliveira, recebeu o prémio Reconhecimento e Gratidão e o FC Famalicão, nas competições profissionais, foi distinguido pela subida à Primeira Liga (futebol seniores masculino) e pela participação na final da Taça de Portugal (seniores femininos)
Ana Azevedo, jogadora de futsal, foi alvo do Prémio Mérito Desportivo, enquanto que o Prémio Reconhecimento e Resiliência foi atribuído ao Núcleo de Árbitros. Ainda no setor da arbitragem, João Pinheiro viu ser-lhe reconhecido o Mérito e Carreira.
Todos os clubes do concelho filiados na AF Braga foram alvo do Prémio Reconhecimento e Gratidão pelo mérito e resiliência.

A gala contou com várias personalidades ligadas ao futebol masculino e feminino, futebol de praia e futsal masculino e feminino. José Couceiro representou a Federação Portuguesa de Futebol e Pedro Proença, presidente da Liga de Clubes, também marcou presença.

Os Meninos Cantores da Trofa apresentam «Cantata de Pedra»

Depois do sucesso na Fundação José Saramago – Casa dos Bicos, em Lisboa e na Antiga Estação, na Alameda da Estação, chegou a vez da Casa da Cultura receber a interpretação dos Meninos Cantores do Município da Trofa, da «Cantata de Pedra», a partir do livro “José, Será Mago?”, com texto e música de Mário João Alves. O espetáculo decorre este domingo, às 11 horas.

O coro dos Meninos Cantores do Município da Trofa, fundado a 1 de outubro de 1999, foi o primeiro projeto avançado pelo pelouro da Cultura da Câmara Municipal da Trofa. O coro é formado por cerca de 40 elementos e é dirigido desde a sua fundação pela maestrina Antónia Maria Serra.

«Falar nos Meninos Cantores do Município da Trofa é falar, inevitavelmente, em magia. As atuações dos nossos meninos são um orgulho não só para a autarquia, não só para o concelho, mas para o nosso país. O resultado de qualquer atuação é sempre algo brilhante», refere Renato Pinto Ribeiro, vereador da Cultura da Câmara Municipal da Trofa.

Famalicão enaltece exemplo de Margarida Malvar

Margarida Malvar foi, esta tarde, homenageada na Casa das Artes, tributo prestada pela Associação Casa da Memória Viva, a que se associaram diversas personalidades famalicenses, entre muitos anónimos. Além do presidente da Câmara Municipal, Mário Passos, e do ex-presidente Paulo Cunha, estiveram vereadores, advogados e representantes de diversas instituições, em reconhecimento pelo legado de Margarida Malvar como advogada, defensora dos direitos das mulheres e ativista pela liberdade e democracia desde o tempo da ditadura.

A homenageada, a primeira mulher a exercer advocacia no concelho, agradeceu o gesto “dos seus conterrâneos que lutam contra o esquecimento”. Vê nesta homenagem uma forma de dar voz a todos aqueles que diariamente lutam e não são ouvidos.

O presidente da Câmara Municipal, Mário Passos, destacou a exemplaridade do percurso cívico, político e profissional de Margarida Malvar, destacando que o seu exemplo pode e deve inspirar a comunidade.

Liliana do Fundo, presidente da Delegação da Ordem dos Advogados, considera a homenagem “justíssima” à primeira advogada famalicense, “uma lutadora por causas e pela justiça”, que sempre demonstrou disponibilidade para colaborar com a Delegação – a que presidiu no passado – mesmo estando já reformada da advocacia.

Esta homenagem foi promovida pela Casa da Memória Viva. O seu presidente Carlos Sousa, na abertura da sessão, frisou que em tempo de luzes de Natal “Margarida Malvar acendeu muitas luzes, ao iluminar todos aqueles com quem se cruzou e ajudou ao longo da sua vida”. O dirigente pediu, ainda, que “todos devemos ter a memória viva e enaltecer exemplos de grandiosidade cívica”, como é o caso de Margarida Malvar.

O espetáculo de homenagem que encheu o grande auditório da Casa das Artes teve declamação de poemas, música e o concerto do Coral de Letras da Universidade do Porto.

Câmara da Trofa desafia: “Neste Natal seja tradicional, compre local”

Para promover os estabelecimentos comerciais da Trofa, a Câmara Municipal local lança a campanha “Neste Natal, seja tradicional! Compre Local.”

A iniciativa, integrada no Mercado de Natal, tem por objetivo fomentar, promover e dinamizar o comércio do concelho e fidelizar o público, estimulando hábitos de consumo locais.

Aberta a todos os estabelecimentos comerciais, a Câmara Municipal da Trofa oferece sacos alusivos à época natalícia para promoção do comércio local.

Os interessados podem levantar os sacos de Natal, a partir do dia 5 de dezembro, na Antiga Estação da Trofa, nos Paços do Concelho, no Polo do Coronado da Câmara Municipal da Trofa (segunda a sexta-feira das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 17h00) e na Casa da Cultura da Trofa (segunda a sexta-feira das 9h00 às 17h00 e aos sábados das 13h00 às 18h00).

Mais informações no site Institucional da Câmara Municipal da Trofa.

 

Dia Internacional do Voluntariado assinalado na Trofa

A Câmara Municipal da Trofa comemora o Dia Internacional do Voluntário, no dia 5 de dezembro, com uma homenagem a todos os cidadãos que se dedicam à prática do voluntariado no Concelho.

A sessão, intitulada “Sentimentos de um Voluntário”, tem lugar no Auditório Fórum Trofa XXI, pelas 15h00. A primeira parte desta sessão comemorativa será dedicada ao debate e reflexão sobre a temática do voluntariado, nomeadamente, a sua importância para o desenvolvimento local e no seio das diferentes instituições.

«Pela sua dedicação e pelos seus esforços incessantes, todos os voluntários merecem o nosso profundo agradecimento e reconhecimento. Os voluntários são um apoio importante do nosso trabalho, substituindo-se, muitas vezes, às próprias responsabilidades do Estado, e materializando o contributo ativo da comunidade. Sem eles, seriam impossíveis muitas atividades de emergência social e de proteção da dignidade humana», realça Sérgio Humberto, presidente da Câmara Municipal da Trofa.

De recordar que a Câmara Municipal da Trofa tem um Banco Local de Voluntariado aberto à participação de todos os interessados. Mais informações em https://mun-trofa.pt/menu/477/banco-local-de-voluntariado-da-trofa.