IPCA distinguido com Prémio Nacional “Mobilidade em Bicicleta”

O Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) foi distinguido com o Prémio Nacional “Mobilidade em Bicicleta”, na categoria “Instituições de Ensino Superior”, atribuído pela Federação Portuguesa de Cicloturismo e Utilizadores de Bicicleta (FPCUB).

O prémio reconhece o trabalho desenvolvido pelo IPCA no incentivo à mobilidade ciclável dos estudantes e restante comunidade académica, bem como as condições criadas no Campus, em Barcelos, para a utilização da bicicleta como meio de locomoção.

«Esta é uma distinção que muito nos orgulha e que resulta da aposta que o IPCA tem feito na promoção da utilização de transportes suaves», refere Maria José Fernandes, presidente da instituição.

Paralelamente ao crescimento do Campus e à construção de novos edifícios, o IPCA criou uma rede de acessibilidades e percursos, que inclui uma ciclovia, com o objetivo que incentivar a prática de estilos de vida saudáveis de estudantes, docentes e colaboradores, mas também da população da cidade de Barcelos, e contribuir para a redução do número de veículos automóveis neste espaço, refere a presidente do IPCA.

O IPCA foi, também, uma das primeiras instituições de ensino superior a aderir ao Projeto U-Bike Portugal, coordenado pelo Instituto da Mobilidade e dos Transportes, no âmbito do qual disponibiliza à comunidade académica 130 bicicletas elétricas e convencionais, denominadas CABI.

Famalicão: Alunos da EB de Delães exploram a Casa do Território

Os alunos do 3º ano da EB de Delães visitaram a Casa do Território, no Parque da Devesa, no dia 28 de novembro. As crianças tinham como objetivo conhecer melhor o território, as suas personalidades e principais atividades.

Num só espaço ficaram a conhecer Bernardino Machado, Alberto Sampaio, Camilo Castelo Branco e Soledade Malvar. Para além das personalidades, também perceberam que existem museus importantes, com um significativo espólio.

A visita só terminou depois de os alunos conhecerem as indústrias que levam o nome de Vila Nova de Famalicão a todo o mundo, como é o caso de Vieira de Castro, Riopele, Louropel, Continental Mabor e Leica.

Rafael Azevedo, Lara Sampaio e outros meninos, intitulados “Somos os Exploradores”, ficaram encantados com as surpresas deste espaço e, no final, demonstraram os conhecimentos adquiridos.

 

Famalicão: Quarenta e uma escolas são Amigas da Criança

A distinção promovida pela Confederação Nacional das Associações de Pais, pela editora LeYa Educação e pelo psicólogo Eduardo Sá premiou 41 escolas e jardins de infância e mais de 170 os projetos de Vila Nova de Famalicão com o Selo Escola Amiga da Criança.

Esta iniciativa de âmbito nacional, visa distinguir escolas que concebem e concretizam ideias que contribuam para o desenvolvimento da criança no espaço escolar e, essencialmente, partilhem essas boas práticas.

Os objetivos desta ação passam por envolver a comunidade educativa em projetos que promovam a satisfação dos alunos, dar a conhecer as ideias promovidas pelos estabelecimentos de ensino e proporcionem às crianças e jovens um percurso enriquecedor e um desenvolvimento pessoal e social mais integrado e harmonioso.

Os Meninos Cantores da Trofa apresentam «Cantata de Pedra»

Depois do sucesso na Fundação José Saramago – Casa dos Bicos, em Lisboa e na Antiga Estação, na Alameda da Estação, chegou a vez da Casa da Cultura receber a interpretação dos Meninos Cantores do Município da Trofa, da «Cantata de Pedra», a partir do livro “José, Será Mago?”, com texto e música de Mário João Alves. O espetáculo decorre este domingo, às 11 horas.

O coro dos Meninos Cantores do Município da Trofa, fundado a 1 de outubro de 1999, foi o primeiro projeto avançado pelo pelouro da Cultura da Câmara Municipal da Trofa. O coro é formado por cerca de 40 elementos e é dirigido desde a sua fundação pela maestrina Antónia Maria Serra.

«Falar nos Meninos Cantores do Município da Trofa é falar, inevitavelmente, em magia. As atuações dos nossos meninos são um orgulho não só para a autarquia, não só para o concelho, mas para o nosso país. O resultado de qualquer atuação é sempre algo brilhante», refere Renato Pinto Ribeiro, vereador da Cultura da Câmara Municipal da Trofa.

Famalicão: Município gasta anualmente 160 mil euros no ensino articulado da dança, música e teatro

A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão investe por ano cerca de 160 mil euros em meio milhar de alunos famalicenses que frequentam o ensino artístico articulado nas áreas da música, da dança e do teatro, do segundo ciclo ao ensino secundário. Os apoios incluem comparticipação de propinas, pagamento de transporte e cedência de instalações.

A dança é ministrada pela AN-Dança Conservatório de Dança de Vila Nova de Famalicão. Existe desde o ano de 2020/21, e conta atualmente com 67 alunos. Na última reunião de Câmara, esta instituição de ensino recebeu um apoio financeiro municipal de 45 mil euros.

O Curso Básico de Música, em regime articulado, existe desde os anos 90, sendo da responsabilidade da Artave/CCM Centro de Cultura Musical e pela ArtEduca – Conservatório de Música, com um total de cerca de 400 alunos.

Depois da música e da dança, o município famalicense avançou este ano letivo 2022/23 com o ensino artístico especializado de teatro, ministrado pela ACE – Escola de Artes. Frequentam cerca de 20 alunos de 5.º ano.

Câmara da Trofa desafia: “Neste Natal seja tradicional, compre local”

Para promover os estabelecimentos comerciais da Trofa, a Câmara Municipal local lança a campanha “Neste Natal, seja tradicional! Compre Local.”

A iniciativa, integrada no Mercado de Natal, tem por objetivo fomentar, promover e dinamizar o comércio do concelho e fidelizar o público, estimulando hábitos de consumo locais.

Aberta a todos os estabelecimentos comerciais, a Câmara Municipal da Trofa oferece sacos alusivos à época natalícia para promoção do comércio local.

Os interessados podem levantar os sacos de Natal, a partir do dia 5 de dezembro, na Antiga Estação da Trofa, nos Paços do Concelho, no Polo do Coronado da Câmara Municipal da Trofa (segunda a sexta-feira das 9h00 às 13h00 e das 14h00 às 17h00) e na Casa da Cultura da Trofa (segunda a sexta-feira das 9h00 às 17h00 e aos sábados das 13h00 às 18h00).

Mais informações no site Institucional da Câmara Municipal da Trofa.

 

Dia Internacional do Voluntariado assinalado na Trofa

A Câmara Municipal da Trofa comemora o Dia Internacional do Voluntário, no dia 5 de dezembro, com uma homenagem a todos os cidadãos que se dedicam à prática do voluntariado no Concelho.

A sessão, intitulada “Sentimentos de um Voluntário”, tem lugar no Auditório Fórum Trofa XXI, pelas 15h00. A primeira parte desta sessão comemorativa será dedicada ao debate e reflexão sobre a temática do voluntariado, nomeadamente, a sua importância para o desenvolvimento local e no seio das diferentes instituições.

«Pela sua dedicação e pelos seus esforços incessantes, todos os voluntários merecem o nosso profundo agradecimento e reconhecimento. Os voluntários são um apoio importante do nosso trabalho, substituindo-se, muitas vezes, às próprias responsabilidades do Estado, e materializando o contributo ativo da comunidade. Sem eles, seriam impossíveis muitas atividades de emergência social e de proteção da dignidade humana», realça Sérgio Humberto, presidente da Câmara Municipal da Trofa.

De recordar que a Câmara Municipal da Trofa tem um Banco Local de Voluntariado aberto à participação de todos os interessados. Mais informações em https://mun-trofa.pt/menu/477/banco-local-de-voluntariado-da-trofa.