Joane perde Supertaça

O Maria da Fonte conquistou, esta quarta feira a Supertaça ao derrotar o Joane por 3-1, num jogo disputado no Parque dos Desportos de Fafe.

Um triunfo suado da equipa marifontista, que entrou a ganhar, mas viu o Joane empatar na segunda metade. E quando toda a gente pensava que seriam jogar mais 30 minutos, Miguel, aos 90’, surgiu descaído no lado direito, e desatou o nó. Depois, Tanela, nos acréscimos do jogo, fechou a contagem. O Maria da Fonte partia para esta final com um ligeiro favoritismo, até porque joga num escalão superior. Mas isso não se notou muito em campo, pois o Joane vendeu bem caro esta derrota. A equipa de João Pedro Coelho nunca se encolheu, mostrou sempre uma cara alegre, com vontade de chegar ao golo. É verdade que em algumas fases da partida, principalmente depois do primeiro golo e do empate, o Maria esteve por cima, mas nunca foi um domínio avassalador. O jogo começou com uma soberba oportunidade para o Joane quando Totas, logo aos nove minutos, na sequência de dois cantos para o Joane, surgiu bem posicionado para abrir o marcador, mas o remate do avançado saiu um pouco ao lado. O Maria da Fonte reagiu,m procurou ter mais bola, mas o Joane dividiu sempre bem o jogo olhando para a baliza adversária com muita gula. Só que à passagem da meia hora sofreu uma falta à entrada da área que resultou num canto. Na sequência do lance Romário, com um bom golpe de cabeça, inaugurou o marcador. Um resultado que não sofreu qualquer alteração até ao intervalo.

No segundo ato, o Joane entrou bem e chegou mesmo ao empate, com um golo de Diogo, à passagem dos 60 minutos. Depois, retraiu-se um pouco, dando liberdade ao Maria para se aventurar mais no ataque. Mas o jogo não foi rico em oportunidades e já estavam todos à espera do prolongamento. Só que o jogo apenas termina quando o árbitro apita para o fim e, aos 90 minutos, Miguel, que tinha entrado no decorrer da segunda parte, marcou o segundo para a sua equipa. O Joane ficou sem tempo de reação e ainda viu Tanela marcar o terceiro, já passavam cinco minutos da hora. Miguel foi o primeiro jogador que Alberto Fernandes lançou no jogo. O extremo deu outra mobilidade ao ataque dos marifontistas e acabou por ser o herói desta Supertaça ao apontar o golo que evitou que o jogo fosse para o prolongamento, já que o terceiro de Tanela surgiu já numa fase de alguma descompressão do Joane.

Fonte: Diário do Minho

Famalicão vence o Estoril Praia (3-1) e consegue três importantes pontos

Na 32ª jornada da Liga Portugal Bwin, o Futebol Clube de Famalicão recebeu e venceu o Grupo Desportivo Estoril Praia, em partida disputada na noite desta sexta-feira.

O primeiro golo foi da equipa da casa, a poucos instantes o final da primeira parte. Marcou Adrián Marín.

Já no decorrer da segunda parte, os famalicenses alargaram a vantagem no marcador, conseguindo chegar ao 2 – 0. O segundo golo foi apontado por Heri ao minuto 67.

Sem que nada fizesse prever, o Estoril Praia respondeu no minuto seguinte com golo de Rui Fonte.

A poucos minutos do final do encontro, surgiu o quarto golo da partida, o terceiro do Famalicão.

A equipa de Rui Pedro Silva segue na principal competição do futebol português com 33 pontos. Na próxima jornada o adversário do Futebol Clube de Famalicão é a B Sad, num encontro marcado para as 20h15 do dia 9 de maio (segunda-feira).

Casos covid-19 adiam jogo entre Ninense e Esporões da Taça AF Braga

O jogo agendado para domingo entre a A.D.Ninense e o G.D.R.Esporões foi adiado por indicação da Associação de Futebol de Braga, que recebeu essa indicação “por ordem do delegado de saúde de Braga devido a casos de covid19” no emblema bracarense.

A partida é da terceira eliminatória da Taça da AF Braga, ronda que se disputa este fim de semana e envolve vários emblemas famalicenses.

Futebol: Festa da Taça AF Braga regressa no fim de semana

Manuel de Oliveira vai apitar Académica x Famalicão desta sexta-feira

O concelho de arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol já deu a conhecer as equipas de arbitragem da terceira eliminatória da Taça de Portugal.

O Académica x Famalicão, marcado para as 18h00 desta sexta-feira, vai ser arbitrado por Manuel Oliveira e terá Carlos Campos e Hugo Marques como assistentes. Humberto Teixeira será o quarto árbitro.

Bilhetes esgotados para o Famalicão x Sporting deste sábado

Já esgotaram os bilhetes para o Famalicão x Sporting deste sábado (20h30).

Os últimos ingressos foram vendidos ao início da manhã desta sexta-feira.

Apesar das informações recentes, avançadas pela Direção Geral da Saúde, este encontro ainda vai contar com uma limitação do público a 33% da lotação do estádio. Estima-se que, na próxima jornada, todos os estádios estejam preparados para aumentar a lotação conforme anunciado pelo governo.

Público volta aos estádios em agosto

A garantia veio pela voz de António Costa. O primeiro-ministro revelou, esta quarta-feira, que em agosto, início da nova época desportiva, os estádios de futebol poderão ter 33% da sua capacidade ocupada. Igual medida aplica-se aos restantes recintos desportivos.

Recorde-se que em maio, antes do final da I Liga, também foi a avançada a presença de público nas duas últimas jornadas, mas tal medida nunca chegou a avançar.

João Marques já não é treinador da equipa feminina do Futebol Clube de Famalicão

O Futebol Clube de Famalicão acaba de comunicar a saída do treinador João Marques e restante equipa técnica.

O clube agradece a João Marques “o trabalho desenvolvido desde a época 2019/2020 até à presente data”.

Recorde-se que a equipa feminina do F.C.Famalicão disputa a liga BPI – fase de apuramento de campeão, onde está em terceiro lugar. Este domingo joga em Lisboa, frente ao Benfica.

João Marques chegou ao futebol feminino do Famalicão aquando do início deste projeto desportivo. Na época passada conseguiu a subida ao principal escalão do futebol feminino e na atualidade luta pelos primeiros lugares da liga BPI.

O agora ex-treinador da equipa feminina do FC Famalicão tinha renovado contrato, em janeiro passado, até 2023.